Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Manipulação: entenda por que Bauermann teve punição menor que outros julgados pelo STJD

Órgão baniu dois atletas do futebol durante audiência nesta quinta-feira

Lance

Lance|Do R7


Lance
Eduardo Bauermann foi punido com 12 jogos de suspensão pelo STJD (Foto: Raul Baretta/Santos)

Zagueiro do Santos, Eduardo Bauermann foi punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva por 12 jogos de suspensão. A sentença do zagueiro foi a menor entre os oito julgados pelo órgão no caso de manipulação de apostas, nesta quinta-feira.

Adriane Hassen, relatora do processo, citou o não cumprimento de Bauermann nos acordos feitos com os apostadores e a devolução do dinheiro por parte do atleta aos aliciadores. O zagueiro do Santos se emocionou após ouvir a decisão no STJD.

Denunciado pelo Ministério Público de Goiás, Bauermann aceitou levar um cartão em Santos x Avaí, no Brasileirão do ano passado. Após não cumprir o combinado, acordou em ser expulso em Botafogo x Santos, na rodada seguinte. O atleta chegou a levar o cartão vermelho, mas após o apito final, o que não é válido nas casas de apostas.

- No primeiro caso, no dia 5 de novembro, o denunciado (Bauermann) concordou, mas não executou. Recebeu e devolveu. (...) Contudo, em concordar em manipular, mas não executar, é claramente realizada uma conduta antiética - analisou Adriane Hassen.

Publicidade

+ Manipulação: Bauermann é punido com gancho, e outros dois são banidos do futebol

A punição foi de seis partidas para cada jogo em que Bauermann aceitou o acordo proposto pelos aliciadores. Ao contrário de Bauermann, outros jogadores tiveram punições mais severas, como Gabriel Tota, ex-Juventude, e Matheus Gomes, ex-Sergipe, banidos do futebol.

Publicidade

Gabriel Tota recebeu valores que seriam repassados a Paulo Miranda, a fim de que este recebesse um cartão amarelo em Juventude x Fortaleza, o que de fato ocorreu. O mesmo ocorreu no jogo entre Goiás e Juventude, também no Brasileirão do ano passado.

+ Cupom LANCEFUT com 10% OFF para os fanáticos por esporte em compras acima de R$299,90

Publicidade

Segundo o MP-GO, Matheus Gomes teria prometido vantagem financeira ilícita para jogadores na partida entre Sport e Operário, na Série B de 2022. O jogador, que teria intermediado conversas com atletas, encerrou contrato com o Sergipe logo após o fim do estadual deste ano.

Veja as punições:

Moraes (Aparecidense-GO): 760 dias e multa de R$ 55 mil

Gabriel Tota (Ypiranga-RS): banimento e R$ 30 mil

Paulo Miranda (sem clube): mil dias e R$ 70 mil

Eduardo Bauermann (Santos): 12 jogos

Igor Cariús (Sport): absolvido

Fernando Neto (São Bernardo): 380 dias e R$ 15 mil

Matheus Gomes (sem clube): banimento e R$ 10 mil

Kevin Lomónaco (Bragantino): 380 dias e R$ 25 mil

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.