Mais Esportes Leilão de objetos de Federer ligados aos Grand Slams arrecada R$ 9 mi

Leilão de objetos de Federer ligados aos Grand Slams arrecada R$ 9 mi

Meta era arrecadar R$ 11 milhões com todas as peças do tenista, mas apenas dois lotes de 20 foram arrematados

Lance
Leilão de peças usadas por Federer em Grand Slams arrecada mais de R$ 9 milhões

Leilão de peças usadas por Federer em Grand Slams arrecada mais de R$ 9 milhões

Lance

A casa de leilões Christie's de Londres, na Inglaterra, anunciou a pouco que os dois primeiros lotes de objetos de Roger Federer, ligados as suas conquistas do Grand Slam arrecadaram o montante de £1.329.375, cerca de R$ 9,2 milhões.

O leilão, aberto no último dia 23 de junho, tinha como meta arrecadar cerca de R$ 11 milhões para a Fundação Roger Federer, que utilizará o dinheiro para financiar seus projetos de inclusão pela educação infantil em cinco países do continente africano e na Suíça.

Ao todo são 300 objetos do suíço, que incluem a munhequeira que ele usou em sua 1500ª partida como profissional, uma vitória sobre o alemão Peter Gojowzcyk, em jogo válido pelo ATP 500 da Basileia em 2019.

Dos objetos mais valiosos estão raquetes e roupas utilizadas em finais do Grand Slam vencidas pelo suíço. Dos objetos mais valiosos estão a raquete e o tênis utilizados na final de Roland Garros 2009 (foto).

Nas redes sociais, Federer pediu para que as pessoas continuem apoiando o leilão em prol de sua fundação.

Federer vai leiloar itens de acervo pessoal usados em Grand Slams

Últimas