Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Kelly Slater se manifesta referente a polêmica de notas envolvendo Gabriel Medina: 'Resultado foi justo'

Onze vezes campeão mundial analisou a bateria das oitavas de final do Surf Ranch 12 vezes

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance Lance

Kelly Slater deu a própria opinião sobre a polêmica de notas envolvendo surfistas brasileiros na etapa do Surf Ranch. Pela primeira vez, Gabriel Medina, Ítalo Ferreira e Filipe Toledo se pronunciaram ao mesmo tempo nas redes sociais sobre o critério de julgamento das notas nesta sexta etapa do Circuito Mundial de Surfe.

Em entrevista ao site "The Inertia", Kelly Slater, onze vezes campeão mundial, se mostrou incomodado com a postura dos brasileiros. Segundo ele, a indignação dos surfistas faz com que cresça a ideia de que um resultado, ou outro, foi roubado.

+ 10% OFF nos mantos internacionais a partir de R$299,90 com o cupom: LANCEFUT

- Vão existir erros em tudo aquilo que é subjetivo. Se algo está próximo, quem pode dizer com objetividade que alguém ganhou com toda a certeza? No entanto, dizer que um resultado é um roubo ou um crime é algo que me incomoda - disse Kelly Slater.

Publicidade

O ex-surfista do circuito mundial ainda falou que analisou a bateria polêmica entre Gabriel Medina e o australiano Ethan Ewing. Na opinião de Slater, o resultado que eliminou o brasileiro da etapa foi justo.

- Achei que Ethan venceu Gabriel, eu vi a bateria algumas vezes. Outras pessoas, nas quais eu confio, assistiram, e são bem informadas. Elas acharam que Ethan venceu a bateria. Assisti meia dúzia de vezes para comparar o frontside com o backside, direitas e esquerdas. Acho que foi um resultado justo. As pessoas diziam que o aéreo do Ethan (contra o medina) não era tão bom e eu ficava tipo: "do que você está falando?" É extremamente aterrissar no bico naquela sessão - afirmou.

Publicidade

Ricardo Toledo, pai de Filipe Toledo, se posicionou contra o discurso do surfista americano. Ele se pronunciou através das redes sociais e expôs a insatisfação com o posicionamento de Slater.

+ Djokovic vai às quartas em Roland Garros e quebra marca de Nadal

Publicidade

- Mr Kelly Slater, não se trata de roubo ou crime, e sim de algo muito maior, como uma “ordem” por exemplo… kkkk . Subjetividade tem limites! Quando (ao não se prestar a atenção devida a uma onda) uma nota é dada , e a diferença fica em quase 2 pontos, essa subjetividade passa a ser questionável, agora, o Sr vir nos dizer que estão falando que foi roubado, ou mal intensionado… porque não??? Qual a razão de vir agora defender a WSL, Mr Goat? Bastante questionável… - comentou Ricardo Toledo.

Outra bateria que também foi polêmica na etapa foi a grande final entre Ítalo Ferreira e Griffin Colapinto. O brasileiro saiu derrotado na ocasião. Slater declarou não ter analisado a grande final.

- Não tenho certeza porque ainda não vi a bateria com atenção. Tenho que ver. Contudo, não gostei do diálogo que ouvi por aí. Não é bom para o surfe e não é disso que se trata a modalidade - concluiu.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.