Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Jogador da NFL é acusado de ameaçar uma mulher com arma de fogo: 'Deveria atirar em você'

Destaque dos Bengals é investigado por Departamento de Polícia de Cincinnati

Lance|

Lance
Lance Lance

Joe Mixon, destaque do Cincinnati Bengals na última temporada da NFL, foi acusado de apontar uma arma de fogo para uma mulher nos Estados Unidos. A moça em questão denunciou o crime, que teria ocorrido em janeiro, nesta sexta-feira. O Departamento de Polícia da cidade do estado de Ohio investiga o caso.

O processo identificou as supostas ameaças do jogador contra a mulher. De acordo com o relatório de depoimentos das autoridades, Mixon teria dito "Deviam explodir a sua cara, eu devia atirar em você. A polícia não pode me pegar".

+ Lamar Jackson pede para ser trocado pelo Baltimore Ravens

Segundo a denúncia, o incidente teria ocorrido no dia 21 de janeiro, um dia depois da vitória do Cincinnati Bengals contra o Buffalo Bills na semifinal de conferência da NFL. O Departamento de Polícia se manifestou sobre o caso.

Publicidade

- Para preservar um processo judicial justo e imparcial para as partes envolvidas, nenhum detalhe da investigação ou prova será divulgado fora do processo judicial oficial - disse nota oficial da polícia.

+ New York Giants e Daniel Jones fecham renovação de 4 anos e US$ 160 milhões

Publicidade

Histórico

Esta não é a primeira vez que Mixon se envolve em polêmica de violência fora dos campos da NFL. O Running Back já foi suspenso de jogos pelo time da faculdade de Oklahoma Sooners, em 2014. Na época, o atleta tinha 18 anos, e foi acusado de agressão por contravenção.

O jogador foi flagrado em um vídeo de uma câmera de segurança agredindo um estudante em um restaurante. Como punição, o atleta teve que cumprir um ano de liberdade condicional, 100 horas de serviço comunitário e aconselhamento comportamental.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.