Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Inglaterra bate Austrália em jogaço e garante vaga na final da Copa do Mundo Feminina

Ella Toone, Lauren Hemp e Alessia Russo marcaram para as Lionesses, enquanto Sam Kerr balançou a rede pelas Matildas

Lance

Lance|Do R7


Lance
Jogadoras da Inglaterra celebram lindo gol de Ella Toone (Foto: DAVID GRAY / AFP)

Na manhã desta quarta-feira, a Inglaterra bateu a Austrália por 3 a 1, em grande jogo válido pela Copa do Mundo Feminina. Ella Toone fez um lindo gol e abriu o placar na primeira etapa; Sam Kerr empatou para as donas da casa no segundo tempo, mas Lauren Hemp recolocou as europeias em vantagem minutos depois e Alessia Russo fechou a conta nos minutos finais.

+ Confira todas as informações da Copa do Mundo Feminina

Com o resultado, as Lionesses estão na final da competição, alcançando a decisão pela primeira vez na história. O título será decidido contra a equipe da Espanha, que bateu a Suécia e também buscará seu primeiro troféu.

+ OPINIÃO: Ida para a Arábia Saudita decepciona quem um dia achou que Neymar seria o melhor do mundo

Publicidade

Veja os cinco principais pontos do confronto

!TELEGUIADO! A Inglaterra abriu o placar no confronto. Após cobrança de lateral, já no fim da primeira etapa, Lauren Hemp achou Alessia Russo na área. A camisa 23 fez o passe para trás, a bola desviou e se ofereceu para Ella Toone, que acertou um lindo chute de pé direito, no ângulo de Mackenzie Arnold, para abrir o placar.

Publicidade

!SENTIU! A torcida da Austrália, que foi um dos pilares da boa campanha das anfitriãs, não reagiu bem ao gol de Toone e se calou completamente, ficando em silêncio até o retorno para a segunda etapa.

!ELA É GENIAL! Na segunda etapa, veio o empate das Matildas. E não poderia ser de outra forma. Em contra-ataque, Sam Kerr recebeu, arrancou em velocidade e acertou um chute sem muita força, mas com uma precisão absurda. A bola ainda deu um leve desvio no joelho de Millie Bright e saiu completamente do alcance de Mary Earps, morrendo no ângulo da arqueira inglesa e empatando o confronto.

Publicidade

!OPORTUNISMO! Minutos depois, Lauren Hemp recebeu lançamento, perdeu na corrida para Ellie Carpenter, mas tomou a frente após vacilo da lateral australiana e bateu na saída de Arnold para recolocar as inglesas em vantagem.

!TAMPANDO O CAIXÃO! O último ato do placar viria já no fim da partida. A Inglaterra achou contra-ataque, com a Austrália aberta se lançando ao ataque, e Lauren Hemp serviu Alessia Russo, que acertou o canto de Arnold para garantir mais alguns dias em Sydney.

Como foi o primeiro tempo?

A Inglaterra dominou as ações na metade inicial, confirmando o posto de favorita para o confronto. Com mais finalizações e o dobro de posse de bola, as Lionesses tiveram mais ímpeto, criaram melhores oportunidades e quase abriram o placar aos 8 minutos, com Stanway parando em Mackenzie Arnold. A recompensa pelo domínio viria aos 36 minutos, com linda jogada coletiva que terminou com um golaço de Ella Toone. A camisa 10 recebeu passe de Alessia Russo na área e acertou um chutaço no ângulo da goleira australiana para dar a vantagem às europeias.

E a segunda etapa?

Em panorama completamente diferente da primeira etapa, a segunda metade de jogo foi com um maior peito da seleção australiana. A equipe de Tony Gustavsson começou a gostar do jogo e tinha na dupla de ataque sua principal forma de escapada. Mary Fowler até fazia um jogo melhor e aparecia mais nos lances, mas o momento de decisão foi com Sam Kerr. Jogando pela primeira vez como titular na Copa, a craque fez linda jogada aos 17 minutos, arrancou e acertou um chute perfeito, contando com leve desvio em Bright para encobrir Earps e empatar a partida.

Minutos depois, as inglesas mostraram concentração e recuperaram a vantagem: Bright lançou na direção de Hemp, que aproveitou dois furos de Carpenter e tirou de Arnold. Mentalmente mais forte, a equipe de Sarina Wiegman soube resistir à pressão das Matildas, viu Sam Kerr perder duas oportunidades claras e matou o jogo no final. Aos 42, Lauren Hemp acelerou em contra-ataque e achou Alessia Russo livre. A ótima centroavante invadiu a área e bateu no canto de Mackenzie Arnold para garantir as Leoas na final.

Como ficou a situação das equipes?

A Austrália fez a melhor campanha de sua história no Mundial, mas disputará apenas o terceiro lugar no sábado (19) contra a Suécia. A Inglaterra, por outro lado, faz sua primeira decisão em três décadas de competição e enfrentará a Espanha, em duelo de duas grandes escolas do futebol feminino.

+ Com final eletrizante, Espanha bate Suécia e se classifica para a final da Copa do Mundo Feminina

FICHA TÉCNICA

Austrália 1x3 Inglaterra

Data e horário: quarta-feira, 16 de agosto de 2023, às 7h (de Brasília)

Local: Accor Stadium, em Sydney (AUS)

Arbitragem: Tori Penso (árbitra); Brooke Mayo e Mijensa Rensch (auxiliares); Tess Olofsson (quarta árbitra); Massimiliano Irrati e Carol Anne Chenard (VAR)

Público: 75.784 presentes

Cartões amarelos: Alex Greenwood e Chloe Kelly (ING)

Gols: Sam Kerr, aos 63' (AUS) / Ella Toone, aos 36'; Lauren Hemp, aos 71'; e Alessia Russo, aos 87' (ING)

AUSTRÁLIA (Treinador: Tony Gustavsson)

Mackenzie Arnold; Ellie Carpenter, Clare Hunt, Clare Polkinghorne (Emily van Egmond) e Steph Catley; Hayley Raso (Cortnee Vine), Katrina Gorry (Alex Chidiac), Kyra Cooney-Cross e Caitlin Foord; Sam Kerr e Mary Fowler

INGLATERRA (Treinador: Sarina Wiegman)

Mary Earps; Jess Carter, Millie Bright e Alex Greenwood; Lucy Bronze, Keira Walsh, Georgia Stanway, Rachel Daly e Ella Toone (Niamh Charles); Alessia Russo (Chloe Kelly) e Lauren Hemp

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.