Lance Inédita Bola de Prata do futebol feminino tem domínio do Corinthians, mas melhor jogadora é do Palmeiras

Inédita Bola de Prata do futebol feminino tem domínio do Corinthians, mas melhor jogadora é do Palmeiras

Atacante Bia Zaneratto, do Verdão, foi eleita craque do Brasileirão Feminino na premiação, que teve seis atletas corintianas na Seleção

Lance
Lance

Lance

Lance

Tradicional prêmio que elege os melhores jogadores do Campeonato Brasileiro, o troféu Bola de Prata, organizado pela ESPN em parceria com a empresa de apostas esportivas Sportingbet, promoveu pela primeira vez na história a premiação também para a categoria feminina.

Campeão brasileiro da categoria pelo segundo ano consecutivo, o Corinthians dominou a seleção da competição, com seis atletas, além do técnico Arthur Elias. As jogadores premiadas foram: a zagueira Erika, a lateral-esquerda Yasmin, a volante Andressinha, as meias Tamires e Vic Albuquerque e a atacante Gabi Nunes.

A meia-atacante Gabi Zanotti recebeu o prêmio de gol mais bonito, pelo tento de bicilceta marcado contra a Ferroviária na partida de ida da semifinal do Brasileirão, em Araraquara, no dia 29 de agosto.

Ainda que o as Brabas tenham dominado a Seleção do Brasileirão Feminino no Bola de prata, o prêmio de melhor jogadora do torneio ficou com a atacante do Palmeiras, Bia Zaneratto, artilheira da competição, com 13 gols. O Verdão acabou a competição na segunda colocação, sendo derrotado justamente para o Corinthians.

A lateral Bruninha, do Santos, de apenas 19 anos, foi eleita a revelação do Brasileirão Feminino.

Além das seis atletas do Timão, a Seleção do Brasileiro pelo Bola de Prata teve três jogadoras do Palmeiras, uma da Ferroviária e uma do São Paulo.

Confira a Seleção e a premiação completa do Bola de Prata Feminino

Goleira: Luciana (Ferroviária)
Lateral-direita: Bruna Calderan (Palmeiras)
Zagueiras: Erika (Corinthians) e Agustina (Palmeiras)
Lateral-esquerda: Yasmin (Corinthians)
Volantes: Andressinha (Corinthians) e Carol Nogueira (São Paulo)
Meias: Tamires (Corinthians) e Vic Albuquerque (Corinthians)
Atacantes: Bia Zaneratto (Palmeiras) e Gabi Nunes (Corinthians)
Técnico: Arthur Elias (Corinthians)

Melhor jogadora: Bia Zaneratto (Palmeiras)
Artilheira: Bia Zaneratto (Palmeiras)
Revelação: Bruninha (Santos)

Gol mais bonito: Gabi Zanotti - Ferroviária 1 x 3 Corinthians - Semifinal (ida) - 29 de agosto de 2021

Últimas