Lance Ídolo do Bahia, Bobô fala sobre situação do clube na temporada

Ídolo do Bahia, Bobô fala sobre situação do clube na temporada

Ex-jogador não poupou críticas tanto a qualidade das apresentações do Esquadrão bem como a situação financeira do clube

Lance
Lance

Lance

Lance

Em entrevista dada ao portal 'Bahia.ba', o ex-jogador Bobô foi taxativo ao falar sobre sua opinião diante da campanha ruim que o Bahia vem tendo no Campeonato Brasileiro.

>Aplicativo de resultados do LANCE! está disponível na versão iOS

Questionando tanto em relação a qualidade do futebol apresentado pela equipe treinada por Diego Dabove como também a administração do clube diante dos salários atrasados, Bobô entende que os dois lados possuem parcela de culpa no momento delicado dentro das quatro linhas:

- Na minha época não afetou, nós ganhamos o título nacional com dois meses de salário atrasado. Então assim, esse grupo eu não conheço, eu não sei como é que são, mas eu acho que o clube tem que resolver suas questões, pagar seus salários e cobrar dos atletas. Agora não é de agora que a Bahia tem jogado mal, não é por conta dos salários que está jogando mal. Realmente complica mais ainda. O salário é um direito dos atletas e o clube tem responsabilidade de pagar, mas os jogadores tem que jogar muito mais do que tem jogado.

Apesar do tom de pessimismo sobre a avaliação, um dos maiores ídolos da história do Esquadrão confia que a equipe ainda tem tempo hábil de recuperação para evitar um desfecho como, por exemplo, o rebaixamento.

- É uma situação difícil, agora só reverte essa questão matemática se vencer jogos, né? Eu acho que o Bahia tem a condição de sair de uma situação dessa, mas é claro que tem que mudar o comportamento da equipe em campo. É uma equipe ainda desajustada. Precisa organizar a equipe como inteiro e motivá-la a vencer seus jogos dentro de casa. Eu acho que o Bahia tá pagando um preço muito grande pela sua irregularidade, sua inconstância. Joga fora de casa perde, joga dentro de casa perde. Isso não é bom, demorou demais até pra entrar na zona de rebaixamento pelo nível que vinha jogando. O Bahia ainda tem condição de sair e vencendo seus jogos sobretudo em casa - concluiu.

Últimas