Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ídolo da Argentina coloca Messi e Maradona no mesmo patamar e cutuca a Holanda na véspera do mata-mata

Jorge Burruchaga analisou o duelo das quartas de final da Copa do Mundo

Lance

Lance|Do R7

Lance
Lance Lance

Campeão em 1986, Jorge Burruchaga entende que a Argentina é a seleção mais pressionada na Copa do Mundo 2022. Em entrevista à "TyC Sports", o ex-jogador viu a derrota diante da Arábia Saudita como um ponto chave na competição, mas sente que os atletas precisam de tranquilidade para trabalhar.

- Perder na estreia foi bom para a Argentina. Vínhamos com uma invencibilidade de 36 jogos e tivemos uma recuperação formidável. A Argentina é a equipe mais pressionada nesta Copa do Mundo. Pelo seu futebol, pelas partidas que tinha invicta, pelas pessoas, pelas palavras de outros jogadores e treinadores. Eu gostaria que pudesse jogar um pouco mais tranquila.

Burruchaga também fez uma análise do jogo contra a Holanda, pelas quartas de final do Mundial. O campeão do mundo enxerga o confronto como decisivo na competição, mas também cutucou a equipe comanda por Louis van Gaal.

+ Ídolo colombiano acredita em favoritismo da Argentina

Publicidade

- Amanhã veremos essa grande seleção (em referência a Argentina) que veio para tentar vencer a Copa. Não será uma partida fácil. Os holandeses não me parecem grandes coisas, mas estão invictos. Melhorando a tranquilidade, vamos melhorar muito o que estamos fazendo até agora. Essa partida é chave para dar o passo final.

+ Messi e Van Dijk se reencontram na Copa do Mundo após duelo na Champions League

Publicidade

O ídolo também está torcendo pelo primeiro título de Copa do Mundo de Lionel Messi, mas acredita que o camisa 10 já possa estar no mesmo patamar de Diego Maradona. O craque da Albiceleste vem batendo diversos recordes no torneio e busca o troféu inédito para sua galeria.

- A única coisa que falta para Leo é vencer a Copa e espero que possa terminar a carreira de forma genial. Tomou a liderança depois da Rússia e a Copa América lhe deu tranquilidade. Tem um amadurecimento esportivo incrível. Mas é uma besteira dizer que falta um Mundial para Messi para colocá-lo na mesma mesa que Maradona.

Publicidade

Nesta sexta-feira, a Argentina encara a Holanda pelas quartas de final da Copa do Mundo, às 16h (horário de Brasília). Após um início turbulento e com derrota diante da Arábia Saudita, os sul-americanos conquistaram três vitórias consecutivas e buscam parar a Laranja Mecânica, que não perde uma partida há 19 jogos.

Jorge Burruchaga e Lionel Messi
Jorge Burruchaga e Lionel Messi Jorge Burruchaga e Lionel Messi

Burruchaga rasga elogios a Lionel Messi (Foto: Nicolás Aboaf)

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.