Lance Governo Federal edita norma e flexibiliza quarentena e libera brasileiros que atuam na Inglaterra

Governo Federal edita norma e flexibiliza quarentena e libera brasileiros que atuam na Inglaterra

Além dos comandados de Tite que atuam no Reino Unido, uruguaio Cavani não terá problemas para atuar no dia 14, em Manaus

Lance
Lance

Lance

Lance

O Governo Federal publicou na última terça-feira (5) uma nova portaria na qual anunciou alterações na entrada de estrangeiros em território brasileiro. Com data de 2 de outubro, a portaria 658 atualiza o texto anterior, da portaria 657 de 2 de outubro (sábado), e exclui restrições mais rígidas em período de pandemia. Brasileiros ou estrangeiros que vierem de qualquer outro país deverão preencher formulário de ingresso no Brasil e apresentar teste PCR negativo para Covid-19.


>>>> Veja a tabela das Eliminatórias da Copa do Mundo

script src="//player.daznservices.com/player.js#d3433344d9573b7cb3133487ad.1leg08rzi18hg1773w6q2so4l0$videoid=1fx4ebleeduco1ou1udvt6hbp5" async>

A nova medida torna sem efeito a solicitação de excepcionalidade da CBF para entrada dos brasileiros que atuam na Inglaterra. O mais recente foi Douglas Luiz, do Aston Villa, convocado para o lugar de Casemiro. Além disto, Edison Cavani, atacante do Manchester United, terá condições de atuar no Uruguai. As duas seleções se enfrentarão no dia 14, em Manaus.

A CBF chegou a enviar enviado ao governo federal no dia 17 de setembro pedido especial para liberar atletas que atuam na Inglaterra e também o uruguaio Cavani. O intuito era evitar imbróglios na chegada de qualquer atleta, conforme havia ocorrido no duelo entre Brasil e Argentina, na Neo Química Arena, quando quatro jogadores argentinos não comunicaram que tinham passado pelo Reino Unido.



Últimas