Gómez chegará nesta quinta a 50 jogos no Palmeiras: 'Sou privilegiado'

No clube desde a metade do ano passado, zagueiro paraguaio atingirá a marca diante do CSA, no Pacaembu, e se diz honrado pela história no Verdão, incluindo um título brasileiro

Lance

Lance

Lance

A partida contra o CSA, nesta quinta-feira, no Pacaembu, será especial para Gustavo Gómez. No Palmeiras desde julho do ano passado, o zagueiro atingirá 50 jogos com a camisa do clube pela qual foi campeão brasileiro em 2018. E se sente honrado pela história que vem construindo.

- É uma enorme honra poder alcançar essa marca em pouco mais de um ano de Palmeiras. Desde o começo, o pessoal do clube me tratou muito bem, a torcida sempre me deu muito carinho e esses fatores foram fundamentais para eu e minha família nos adaptarmos rápido ao país - comentou o paraguaio, que chegou, inicialmente, emprestado pelo Milan, da Itália.

- Apesar do pouco tempo, já consegui conquistar um Brasileiro e me sinto privilegiado por escrever meu nome na história de um dos maiores clubes do mundo. Farei de tudo para continuar ajudando a equipe a lutar pelos objetivos e espero ser mais vezes campeão.

Nos 49 jogos que já fez, o camisa 15 foi titular em 47, e marcou sete gols. Com ele em campo, o Verdão sofreu 25 gols (média de 0,51 por partida), sendo que, em 31 dessas partidas, a equipe não foi vazada. No Brasileiro do ano passado, com o paraguaio, foram dez gols sofridos em 14 rodadas (média de 0,28), com dez jogos sem o goleiro ter as redes balançadas. Em 2019, são 32 partidas, 20 sem levar gol e 17 tentos sofridos no total (0,53 por jogo).

- Os números são legais e demonstram que o nosso trabalho vem sendo bem feito, mas os dados não entram em campo. Temos que seguir treinando forte e com muita dedicação para mantermos uma defesa sólida e ajudar o Palmeiras a brigar por mais títulos, que é o que realmente importa - disse o defensor, exaltando as quatro vitórias nos quatro jogos sob o comando de Mano Menezes, mas destacando a dificuldade da partida desta quinta.

- Estamos vivendo um bom momento. Passamos por uma fase complicada, mas nas últimas rodadas voltamos a vencer. Esses resultados nos dão mais confiança para a sequência do campeonato, mas isso não quer dizer que teremos um jogo fácil contra o CSA. Muito pelo contrário - indicou.

- O time deles está em ascensão, somou sete dos últimos nove pontos e será uma partida bem complicada. Precisamos entrar com muito respeito e foco, tentar impor o nosso ritmo desde os primeiros minutos e lutar até o final para vencer mais um jogo - completou.

O Palmeiras enfrenta o CSA às 19h15 no Pacaembu, já que o Allianz Parque segue à disposição de eventos musicais. O Verdão iniciou esta 21ª rodada do Campeonato Brasileiro na segunda colocação, a três pontos do líder Flamengo, enquanto o time alagoano figura desde o fim de semana em 16º lugar, com 19 pontos, um ponto e uma posição acima da zona de rebaixamento.