Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Goleiro Bruno faz post com imagens do filho, e avó do menino se indigna: 'Senti raiva e nojo'

Mãe de Eliza Samudio questiona intenções do ex-atleta ao fazer publicação nas redes sociais

Lance|

Lance
Lance Lance

O goleiro Bruno elogiou o filho ao postar um vídeo do menino agarrando em uma escolinha de futebol, na última quarta-feira, quando foi celebrado o "Dia do Goleiro". No entanto, a publicação indignou a avó do garoto. Em entrevista ao jornal "Extra", Sônia Moura, mãe de Eliza Samudio, disse que não autorizou a utilização da imagem de Bruninho e descreveu como se sentiu ao ver a postagem.

- Quem autorizou? Eu autorizei? Dei meu consentimento? Ele é menor de idade, e, apesar de ser o pai, ele sempre negou que fosse o pai do filho de uma 'prostituta', como ele insiste em falar da minha filha. Estou indignada - disse.

- Eu senti raiva, nojo, indignação... Para uma pessoa que diz que só assumiria o Bruninho se fosse mesmo o pai, a troco de que ele está postando vídeos do menino? - questionou.

+ É na terça! Veja os times e regras para o sorteio das oitavas da Copa do Brasil 2023

Publicidade

Na entrevista, a avó do menino também comentou quais são os motivos, na sua visão, para Bruno ter publicado o vídeo com imagens do filho.

- Com certeza é porque ele vai querer se aproximar do Bruninho, acha que assim vai amolecer o coração de uma criança, e começar a trabalhar a cabeça dele. Mas será que ele não pensa em tudo o que o Bruninho sabe sobre a morte da mãe? Será que ele acha mesmo que isso não importa para a criança? - disse.

Publicidade

Sônia Moura ainda disse que acredita que Bruninho pode querer conhecer o pai um dia. Segundo ela, o menino não sabe muita coisa sobre a morte da mãe, mas, quando quiser saber, receberá o processo nas mãos para ler os detalhes. A avó também se declarou ao neto, a quem se referiu como "um sobrevivente" e "um garoto iluminado".

+ Justiça define que PM suspeito do assassinato do lutador Leandro Lo continuará a receber salário

Publicidade

O vídeo publicado por Bruno mostra imagens de Bruninho agarrando em uma escolinha de Campo Grande, no Mato Grosso do Sul, em outubro de 2022. Atualmente, o menino mora em Curitiba, no Paraná, e faz parte do time sub-13 do Athletico-PR.

SOBRE O CASO BRUNO

Bruno foi responsável pelo assassinato de Eliza Samudio, mãe de seu filho, em 2010. Três anos depois, o ex-goleiro foi condenado a cumprir pena de 22 anos e três meses pelo Tribunal do Júri de Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte. Desde 2019, o ex-atleta cumpria regime semiaberto domiciliar e, em janeiro deste ano, recebeu liberdade condicional pela Justiça do Rio de Janeiro.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.