Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Galvão relembra vez em que foi alvo de pegadinha de Ayrton Senna: 'Ficou dando risada'

Narrador era um dos grandes amigos do piloto brasileiro

Lance

Lance|Do R7

Galvão Bueno foi amigo pessoal de Ayrton Senna (Foto: Divulgação)

Um dos maiores nomes do esporte brasileiro, Ayrton Senna nos deixou há 30 anos, em um acidente fatal na Fórmula 1, na Itália. Amigo pessoal do piloto, o narrador Galvão Bueno relembrou algumas brincadeiras com o atleta. O locutor citou vez em que mexeu no passaporte de Senna, que se vingou do jornalista com pegadinha no aeroporto.

➡️Siga o Lance! Fora de Campo no WhatsApp e saiba o que rola fora das 4 linhas

- Eu e (Gerhard) Berger cortamos uma parte de um nu frontal de uma revista e colamos no passaporte dele. Aí o Ayrton desceu na imigração da Argentina e entregou aquele passaporte. Só que isso me rendeu uma vingança sem tamanho, ele me jurou - relembrou Galvão durante o programa "Que História é essa, Porchat?".

- Nós estávamos nos Estados Unidos e ele colocou cadeados no cós da minha calça. Aí fui passar no detector de metais e apitou tudo. O Senna vira para o americano: "Não deixa ele embarcar, que ele é maluco". Levantaram minha camisa e viram três cadeados pendurados. Fui parar em uma sala, quase não embarquei. E ele dando risada do lado de fora, com as chaves - completou.

Publicidade

➡️A boa do Lance! Betting: vamos dobrar seu primeiro depósito, até R$200! Basta abrir sua conta!

Ayrton Senna foi um dos principais pilotos da história do automobilismo, com 41 vitórias e três títulos. O brasileiro também somou 80 pódios e 65 pole positions na carreira, na qual defendeu Toleman, Lotus, McLaren e Williams. O atleta morreu ao se chocar contra um muro de concreto no GP de Ímola, no dia 1 de maio de 1994.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.