Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Zidane vira opção para substituir Thomas Tuchel no Bayern de Munique

Alemão está na corda bamba no clube bávaro

Futebol|

Aumentou a pressão sobre Thomas Tuchel após a derrota do Bayern de Munique por 3 a 2 para o Bochum, no domingo (19), que deixou os bávaros a oito pontos atrás do líder Bayer Leverkusen.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

O favorito dos bávaros para assumir o clube, caso Tuchel seja demitido, é Xabi Alonso, treinador do rival Leverkusen. Porém, a diretoria bávara não descarta às investidas em Zinédine Zidane, ex-treinador do Real Madrid.

O técnico de 51 anos, que está desempregado desde que deixou os Merengues em maio de 2021. O francês conquistou: três Champions League e duas La Ligas, em sua gestão no clube espanhol. Zidane também foi cotado para assumir a seleção da França para a disputa da Copa do Mundo do Catar em 2022, mas negou o cargo.

Publicidade

Outro treinador que também pode pintar no Bayern de Munique, de forma interina, é Ole Gunnar Solskjær. O técnico norueguês está desempregado desde que foi demitido pelo Manchester United em novembro de 2021. Ele passou quase três anos no comando dos Red Devils, enquanto levava o United ao segundo lugar da Premier League em 2020/21 e perdia a final da Uefa Europa League, nos pênaltis para o Villarreal, da Espanha. 

O diretor esportivo do Bayern de Munique, Cristoph Freund, conhece bem Solskjær e acompanha o caminho do comandante há anos. No entanto, não houve discussões concretas sobre essa eventualidade. 

O Bayern volta a campo no sábado, dia 24 de fevereiro, para enfrentar o RB Leipzig, na Allianz Arena, em Munique, às 14h30 (horário de Brasília), para tentar se recuperar da má fase vivida pela equipe.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.