Futebol Zagueiro Maicon é apresentado com a camisa 33 do Santos

Zagueiro Maicon é apresentado com a camisa 33 do Santos

Jogador assinou contrato com o Peixe até o final de 2023

Lance
Lance

Lance

Lance

O zagueiro Maicon foi apresentado como novo reforço do Santos em coletiva nesta terça-feira. O experiente defensor, que estava no Cruzeiro, assumiu a camisa 33 do Peixe e tem vínculo até até o final de 2023.

Maicon chegou ao clube no início de março, mas ainda não estreou porque foi regularizado depois do prazo das inscrições no Campeonato Paulista. O zgaueiro comemorou sua chegada e falou da sua condição física para estrear pelo Santos.

- Decidi vir para o Santos pela grandeza do clube. Não somente pelo histórico familiar que eu tenho, meu pai e meus irmãos assim como a família toda e inclusive eu desde pequeno a gente acompanha o Santos. Sempre torcia para o Santos, não é só pelo histórico familiar, mas pela grandeza. É um clube gigante, se a gente parar para analisar há dois anos o Santos estava em uma final de Libertadores. O que me motivou foi a grandeza, jogadores que já passaram aqui e é claro que quando o Edu entrou em contato comigo a aceitação foi imediata. Eu estou feliz, espero poder contribuir e responder a expectativa dele, da diretoria e do presidente também. Quem não aguenta pressão não serve para jogar em time grande. Pressão sempre vai haver. Vamos fazer de tudo para que a gente consiga colocar o Santos num lugar mais alto - ressaltou o zagueiro.

Natural de Colatina, no Espírito Santo, Maicon foi revelado no próprio Cruzeiro em 2007 e chegou a ser emprestado para a Cabofriense antes de se transferir para o futebol português. Atuou pelo Nacional da Madeira e, após temporada de destaque, foi contratado pelo Porto. Permaneceu na equipe dos Dragões por oito anos e virou ídolo da torcida, conquistando três títulos do Campeonato Português, duas taças de Portugal e uma Europa League.

Após encerrar seu contrato com o Porto, Maicon teve passagem pelo São Paulo entre 2016 e 2017. Também atuou por Galatasaray e Al Nassr antes de chegar ao Cruzeiro no fim da última temporada. No Campeonato Saudita, disputou 53 jogos, acertou 83% dos passes, deu uma assistência, teve 66% duelos aéreos ganhos, 333 bolas recuperadas, 74 desarmes e 11 cartões amarelos.

- Sou um cara que procuro estar muito bem fisicamente sempre, procuro acompanhar as minhas estatísticas de jogo e nos últimos anos não tem caído tão drasticamente. O que podem esperar de mim é um jogador com muita raça, com muita vontade, empenho e não é somente raça, a gente também tem que ter qualidade para jogar. Não é à toa que o Santos me contratou, não é à toa que estou aqui, também tenho minhas qualidades assim como qualquer outro jogador. E eu tenho certeza que tem muito a acrescentar, ajudar o Santos e eu vou fazer de tudo para honrar essa camisa maravilhosa que estou vestindo - afirmou.

Últimas