Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Ypiranga não perdoa, vence Bragantino e avança para a terceira fase da Copa do Brasil

Erick, João Pedro e Jhonatan Ribeiro anotaram os gols do Canarinho, enquanto Alerrandro descontou

Futebol|

Lance
Lance Lance

Nesta quarta-feira (15), o Ypiranga recebeu o Bragantino, em jogo válido pela segunda fase da Copa do Brasil. Jogando em casa, no Colosso da Lagoa, os gaúchos venceram por 3 a 1, carimbando a vaga para a próxima etapa da competição. Erick, João Pedro e Jhonatan Ribeiro anotaram os gols do Canarinho. Alerrandro descontou.

Com o resultado, o Canarinho avança para a terceira fase da Copa do Brasil. O adversário será definido através de um sorteio da CBF, ainda sem data para acontecer. O Bragantino volta a se concentrar no Campeonato Paulista.

Confira a tabela da Copa do Brasil no LANCE!

Jogando em casa, o Ypiranga não deu espaço para o Bragantino desde o apito inicial. Com uma boa pressão, o time mandante controlou a posse de boa e sempre pressionou a saída. Depois de boa chegada de Erick, o Canarinho abriu o placar aos 16. PK avançou e cruzou para Erick, que, na pequena área, aproveitou para cabecear para o fundo do gol. A resposta do Bragantino não demorou. Aos 19, Artur teve boa chance, mas mandou para fora.

Publicidade

Sete minutos depois, foi a vez de Natan tentar, mas cabeceou longe do gol de Caíque. O segundo gol do Ypiranga quase saiu aos 36. Após cobrança de escanteio, Islan cabeceou forte. Porém, o goleiro Cleiton defendeu. Três minutos depois, foi a vez de Caíque brilhar, após Juninho Capixaba tentar duas vezes. Aos 41, Mossoró tentou, mas parou na defesa do Bragantino.

Na segunda etapa, a partida seguiu bastante movimentada para os dois lados. No melhor lance, mais um golaço do Ypiranga. Aos 10, João Pedro cobrou falta. A bola passou por cima da barreira, ainda bateu no travessão e quicou para dentro das redes. A resposta do Bragantino chegou aos 21, quando Alerrandro deu um toque de primeira na saída do goleiro Caíque, que jogou para escanteio com a palma da mão.

Publicidade

Seis minutos depois, com muita pressão do Massa Bruta, Patric, do Ypiranga, recebeu o segundo amarelo por reclamação e foi mais cedo para o vestiário. Com vantagem numérica, o Bragantino pressionou muito. Aos 34, Sorriso cruzou na área. A zaga cortou mal. Popó chutou, mas pegou em cima da defesa e desperdiçou grande chance.

O gol do Bragantino saiu aos 42. Na pressão, o time paulista aproveitou uma confusão na área. Em um bate e rebate, Alerrandro aproveitou a sobra e bateu para o canto esquerdo do gol de Caíque, que nada pôde fazer. Aos 51, Jhonatan Ribeiro foi lançado em velocidade, invadiu a área, driblou Cleiton e mandou de canhota para o fundo das redes, garantindo a classificação.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.