Futebol Willyan Barbosa projeta temporada difícil na Coreia do Sul e sonha em atuar no futebol brasileiro

Willyan Barbosa projeta temporada difícil na Coreia do Sul e sonha em atuar no futebol brasileiro

Atacante do Gwangju foi campeão da segunda divisão da Liga Sul-Coreana em 2019 e é destaque na Ásia. Com formação na Europa, jogador de 26 anos ainda não jogou no Brasil

Lance
Lance

Lance

Lance

O atacante Willyan Barbosa foi um dos destaques do Gwangju, da Coreia do Sul, em 2019. Em sua primeira temporada no país asiático, o brasileiro de 26 anos foi um dos artilheiros do time, com 8 gols marcados, na campanha do título da K-League 2 - equivalente a segunda divisão da Liga Sul-Coreana.

Após se adaptar ao estilo de jogo da equipe, o brasileiro projeta uma temporada complicada na primeira divisão e acredita que o clube irá brigar pela permanência na elite neste ano. A Liga Sul-Coreana estava prevista para começar no último dia primeiro de abril, porém por conta da pandemia do novo coronavírus, ainda não há uma data definida.

– Nossa expectativa inicial é se manter na K-League 1. Sabemos que a primeira divisão tem muito mais qualidade que a segunda, com equipes fortes na disputa do título. Vai ser bastante difícil, mas o pensamento é a permanência do clube na elite e vamos batalhar para conseguir esse objetivo – disse Willyan Barbosa.

Natural de Belo Monte, em Minas Gerais, o atacante não chegou a atuar ainda no Brasil, mas revela o sonho de poder vestir a camisa de algum clube brasileiro. O atacante foi revelado pelas categorias de base do Torino, da Itália, e teve passagens por Beira-Mar, Nacional, Vitória de Setúbal, de Portugal, e Panetolikos, da Grécia.

– Nunca joguei no Brasil. Eu tenho essa vontade. Quando eu estiver com meus 30 anos, pretendo atuar uns dois ou três anos para ter essa experiência de jogar o Brasileirão. É o campeonato mais disputado do mundo, uma qualidade muito diferente e eu tenho esse sonho de jogar em algum clube da série A – afirmou.

Últimas