Futebol William vence Corinthians na Justiça em processo de quase R$ 3 milhões

William vence Corinthians na Justiça em processo de quase R$ 3 milhões

Clube reconhece a ação e tenta acordo amigável com o ex-jogador, que cobra valores devidos referentes a direitos de arena entre 2008 e 2010. Processo está em fase de cálculos

Lance
Lance

Lance

Lance

O Corinthians novamente foi condenado na Justiça Trabalhista a pagar um ex-jogador do clube. Dessa vez o autor da ação foi William Machado, que cobrou nos tribunais valores referentes a direitos de arena entre 2008 e 2010. A quantia total é de quase R$ 3 milhões e o processo está em fase de cálculos. A informação foi publicada primeiramente pelo GE e confirmada pelo LANCE!.

Da parte do Timão, há o reconhecimento da sentença, mas ainda está no aguardo para a revisão dos valores que atualmente está em R$ 2.977.593,77, sendo que quase metade é por conta de juros de mora (R$ 1.459,187,97).

O processo foi aberto em 2014 e somente neste mês teve uma conclusão, mas discussão dos cálculos se deu pois o Corinthians apresentou um valor devido abaixo daquele que William cobrou inicialmente. Em posse das duas contas, a juíza Maria Cristiana Christianni Trentini decidiu suspender a homologação da quantia para que as partes possam chegar a um valor de consenso.

Em entrevista para a reportagem do GE, William Machado explicou o que o levou a procurar a Justiça para obter os valores devidos pelo Corinthians.

- Nunca quis nada em toda minha vida que não fosse meu de direito. Entendi que no caso do direito de Arena a lei constitucional era clara quanto a 20% enquanto o jurídico do clube entendia que 5%, do acordo feito com um Sindicato, deveria prevalecer. A última coisa que gostaria era ter que recorrer à Justiça para uma definição de qual lado estava correto. Como a divergência permaneceu não me restou outra saída e, após 10 anos aguardando, a Justiça entendeu que eu tenho esse direito baseado na Constituição - disse o ex-atleta.

William jogou pelo Timão entre 2008 e 2010, quando se aposentou. Nesse período, ele foi campeão Brasileirão da Série B, campeão paulista e da Copa do Brasil. Todas as conquistas coram como capitão do time alvinegro.

Últimas