Futebol Volpi critica arbitragem e reclama do Grêmio: 'Eles não jogam'

Volpi critica arbitragem e reclama do Grêmio: 'Eles não jogam'

Goleiro do São Paulo comentou sobre a eliminação do Tricolor e não poupou críticas ao adversário e a equipe de arbitragem

Lance
Tiago Volpi foi pouco exigido no empate sem gols entre São Paulo x Grêmio

Tiago Volpi foi pouco exigido no empate sem gols entre São Paulo x Grêmio

Lance

O goleiro do São Paulo, Tiago Volpi, criticou o comportamento do Grêmio no empate por 0 a 0 no Morumbi, que eliminou o Tricolor nas semifinais da Copa do Brasil. Um dos líderes do elenco, o arqueiro esbravejou sobre a estratégia gremista, que segundo ele, 'atrasava o jogo'.

"O que dificultou é o que o Grêmio faz sempre, não joga, sempre tem um jogador caindo no chão, o goleiro que demora 50 segundos no tiro de meta. A gente avisou. No intervalo, a gente falou para o Bruno: 'Os caras querem atrasar o jogo, a gente quer acelerar'. E foi isso que aconteceu: querendo acelerar e os caras caindo", afirmou Volpi.

A arbitragem do carioca Bruno Arleu de Araujo também foi alvo de críticas do goleiro. Segundo Volpi, faltaram minutos de acréscimos a serem acrescidos. Sepois do apito final, os jogadores do Tricolor paulista e o técnico Fernando Diniz cercaram a arbitragem no meio de campo. O comandante e o atacante Tréllez acabaram expulsos.

"A única coisa que a gente falou (pro árbitro) foi o tempo, se ele dá os 10, 12 minutos, que tinha que dar, e a gente perde, tranquilo, mas pra compensar o tempo perdido, essa é a indignação. Mas não dá, já acabou e ele não vai voltar atrás, então é erguer a cabeça, tem o Brasileiro pela frente, que aumenta a nossa pressão pelo título", complementou.

O Tricolor agora volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. Na liderança do torneio, com 56 pontos ganhos, a equipe joga dia 06 de janeiro contra o Red Bull Bragantino, às 21h30, em Bragança Paulista.

Fred se aproxima do top 3 da artilharia da história do Brasileirão

Últimas