Futebol Veja a situação dos jogadores que voltam ao Santos após empréstimo

Veja a situação dos jogadores que voltam ao Santos após empréstimo

Nove jogadores retornarão ao elenco após passarem a temporada atuando em outros clubes. Destes, poucos têm chances de serem aproveitados pelo argentino Jorge Sampaoli

Nove jogadores retornarão ao elenco após passarem a temporada atuando em outros clubes. Destes, poucos têm chances de serem aproveitados pelo argentino Jorge Sampaoli

O Santos contará com o retorno de nove jogador ao plantel em 2019. Todos estavam emprestados a outros clubes e passaram a temporada de 2018 longe do Alvinegro. Destes, poucos têm chances de serem aproveitados pelo técnico argentino Jorge Sampaoli - o novo treinador já estudou o elenco e deve liberar várias peças para serem negociadas antes do início do Campeonato Paulista. Abaixo, o LANCE! destrincha a situação dos emprestados.

Fabián Noguera
O zagueiro argentino foi emprestado ao Estudiantes-ARG ainda em janeiro de 2018 e só conseguiu se firmar na equipe na reta final do ano. Foram 16 jogos e dois gols marcados. Seu contrato com o Santos vai até junho de 2021 e ele não está nos planos de Sampaoli. Liberado pelo clube, deve buscar outro destino.

Cleber Reis
Depois de passar a temporada atuando pelo Paraná, Cleber pode ser um dos poucos a serem aproveitados por Sampaoli no clube. O atleta de 28 anos chega para ser a quarta opção para a zaga, atrás de Lucas Veríssimo, Gustavo Henrique e Luiz Felipe.

Orinho
O jovem lateral passou a temporada na Ponte Preta, onde fez alguns bons jogos e conseguiu manter o nível de atuação. Agora, tentará brigar por uma vaga na lateral esquerda da equipe. Resta saber se o titular absoluto Dodô aceitará ou não a proposta do Santos para permanecer em 2019.

Romário
Reforço deixado pelo ex-presidente Modesto Roma Jr, o lateral não empolgou e acabou sendo emprestado para o Ceará. De volta ao Santos, pode brigar por posição na ala esquerda, dependendo de como ficar a situação de Dodô.

Matheus Ribeiro
Tem situação complicada após voltar de empréstimo do Figueirense. Acostumado a atuar pela ala direita, viu Sampaoli exigir a permanência do titular Victor Ferraz e ainda conta com a disputa no banco com Daniel Guedes. Neste momento, é apenas a terceira opção para o setor e pode sair do clube.

Leandro Donizete
Dificilmente ficará no Santos em 2019. Passou a temporada atuando pelo América-MG, mas conta com uma grande disputa no setor e não agrada a Sampaoli. É mais um que provavelmente será negociado pela diretoria. Além do alto salário, não agrada ao torcedor alvinegro.

Rafael Longuine
Foi titular do Guarani ao longo de 2018 e pode ser um dos jogadores a ficarem para compor o elenco do Santos em 2018. Resta saber se esse também é o desejo do jogador. Pode atuar como meia aberto, segundo volante ou meia de criação e, por isso, deve continuar.

Matheus Oliveira
Tem situação incerta. Assim como Longuine, passou 2018 no Guarani, mas dificilmente será aproveitado pelo treinador argentino. Tem contrato até abril de 2019 e não deve ter o vínculo com o Peixe renovado.

Rodrigão
Outro que deve deixar o Santos. Sampaoli já deixou clara a necessidade de contratar um centroavante e Rodrigão, que passou o ano no Avaí, ainda conta com a concorrência interna na posição de Yuri Alberto, Felippe Cardoso e até de Eduardo Sasha, que também pode atuar centralizado.