Veja 10 curiosidades sobre estreias do Corinthians no Brasileiro

Na próxima quarta, o Timão inicia sua 48ª participação no principal torneio do país; relembre fatos marcantes do Alvinegro em estreias no Brasileirão 

Corinthians busca mais um título do Brasileiro

Corinthians busca mais um título do Brasileiro

Lance

Na próxima quarta-feira, às 19h15, o Corinthians inicia sua 48ª participação no Campeonato Brasileiro - a principal competição do país. Em busca de seu oitavo caneco do nacional, o Timão mede forças com o Atlético-MG, no Mineirão, em partida válida pela 2ª rodada do torneio desta temporada (o Alvinegro não jogou no fim de semana, pois estava envolvido na decisão do Campeonato Paulista).



A reportagem levantou todas as estreias corintianas no Brasileirão desde 1971 e traz dez curiosidades sobre as primeiras impressões do Timão em cada uma das edições que participou. No geral, o Alvinegro soma 19 vitórias em suas partidas de estreia, além de 14 empates e 14 derrotas - o que lhe garante um aproveitamento de 50,3%.

Estreias em ano de título
Maior vencedor do Brasileirão no século XXI com quatro conquistas (2005, 2011, 2015 e 2017), o Corinthians costuma estrear com bons resultados nos anos em que é campeão. Exceção ao campeonato de 1990, quando perdeu o primeiro jogo para o Grêmio, por 3 a 0, o Timão jamais foi derrotado nos primeiros jogos em temporadas que faturou o caneco.

Cartão de visita
O primeiro jogo do Corinthians na história do Campeonato Brasileiro foi com show do craque Rivellino. No Pernambuco, o Timão bateu o Santa Cruz, por 4 a 1, na Ilha do Retiro na estreia da edição de 1971. Curiosamente, essa foi a melhor estreia do clube em toda a história da competição nacional.

Os adversários mais conhecidos
Pela quinta vez em sua história, o Corinthians iniciará o Brasileirão diante do Atlético-MG. O duelo com o clube de Belo Horizonte já aconteceu nas estreias de 1996, 2002, 2003 e 2014. O Timão também já mediu forças com Grêmio (1990, 2006, 2011 e 2016) e Fluminense (1972, 1983, 2012 e 2018) em quatro oportunidades, cada.

Ficou feio
A temporada de 1992 até que não foi tão ruim para o Corinthians, que terminou o Brasileirão na 5ª posição. Entretanto, a estreia foi vergonhosa. Jogando para mais de 15 mil pessoas no Pacaembu, o Timão foi atropelado pelo Vasco e perdeu de 4 a 1. Foi o pior início do clube do Parque São Jorge na história da competição.

A não estreia
O Brasileirão de 1979 não contou com algumas das principais forças do futebol nacional. Naquele ano, Corinthians, São Paulo, Santos e Portuguesa boicotaram o torneio nacional (disputado por 94 equipes) e optaram por focar suas forças no Campeonato Paulista - algo impensável para os dias atuais. O estadual acabou indo para o clube do Parque São Jorge. Vale lembrar que o Corinthians também não disputou o Brasileirão de 2008, pois foi rebaixado para a Série B no ano anterior.

A melhor sequência
Por 16 anos seguidos, o Corinthians não soube o que era perder em uma estreia de Campeonato Brasileiro. De 1971 até 1987, o Timão venceu ou empatou em todos os seus inícios de jornada na principal competição do país.

O único clássico
O Corinthians já estreou no Brasileirão contra equipes de 14 estados diferentes (BA, CE, DF, ES, GO, MA, MG, MT, PE, RJ, RS, SC, SP e PR). Contudo, em apenas uma delas, o Timão teve um rival direto em seu início de jornada no torneio. Na edição de 1988, o Alvinegro encarou o São Paulo e saiu de campo derrotada, por 1 a 0.

Meia década de tropeços
Se a década de 1970 e a primeira metade da década de 1980 foram de boas estreias para o clube do Parque São Jorge, o mesmo não se pode dizer dos anos seguintes. De 1988 até 1992, o Timão não conseguiu nem uma vitória sequer em seus primeiros jogos no Brasileirão. A 'má fase' chegou ao fim apenas em 1993, quando a equipe paulista bateu o Botafogo, por 1 a 0, no Engenhão.

Figurinha repetida
Atualmente, o América-RJ não disputa nem sequer a Série D do Brasileirão - a última divisão do futebol nacional. Apesar disso, o tradicional clube carioca foi figurinha carimbada nas estreias do Timão nos primeiros anos de disputa do torneio nacional. O Alvinegro mediu forças com o Mecão em 1973, 1975 e 1982, com todos os jogos acontecendo em São Paulo.

O desconhecido Galícia
Em 1981, o Corinthians estreou no Brasileirão contra o segundo colocado do Campeonato Baiano da temporada anterior: o modesto Galícia, de Salvador. Na Fonte Nova, o Timão não tomou conhecimento da equipe nordestina e venceu, por 2 a 0. Atualmente, o Galícia disputa a Segunda Divisão do estadual.

Veja os 20 jogadores que mais se valorizaram em 2020 no Brasil