Futebol Uma semana depois da lesão, Willian compartilha tratamento no Corinthians: 'Vamos que vamos'

Uma semana depois da lesão, Willian compartilha tratamento no Corinthians: 'Vamos que vamos'

Meia usou seu perfil no Instagram para postar uma foto de sua recuperação no CT Joaquim Grava, na manhã desta quinta-feira. Prazo para retorno é de mais de um mês

Lance
Lance

Lance

Lance

Uma das principais lamentações da torcida do Corinthians neste momento é a ausência de Willian, que ainda deve ficar um bom tempo afastado dos gramados, depois de sofrer uma lesão na coxa. Nesta quinta-feira, ele compartilhou uma foto de seu tratamento e mostrou otimismo no processo.

TABELA
> Veja classificação e simulador do Brasileirão-2021 clicando aqui

> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

GALERIA
> Veja até quando vai o contrato de cada jogador do Corinthians

Há exatamente uma semana, na última quinta-feira, o camisa 10 iniciou sua recuperação após sentir um desconforto muscular antes dos dez minutos do primeiro tempo do duelo com o Fluminense, na Neo Química Arena, no dia anterior. Temendo o pior, o meia saiu de campo chorando e lamentando.

Quando iniciou o tratamento, Willian ainda não sabia da gravidade do problema, mas no dia seguinte, na sexta-feira, ele passou por exames, que constataram uma lesão de grau 2 no músculo posterior da coxa esquerda que, segundo o clube, exige uma recuperação de quatro a cinco semanas.

Uma semana depois de começar a se tratar, Willian se manifestou em seu perfil no Instagram e compartilhou uma foto de sua recuperação com o fisioterapeuta do clube, Caio Mello. Na legenda da foto em seus stories, o camisa 10 mostrou otimismo no tratamento ao lado do profissional alvinegro.

- Seguimos na recuperação. Vamos que vamos, meu mano Caio Mello - disse.

Se o cronograma se confirmar, Willian voltaria a ficar à disposição no fim de novembro, restando entre quatro e cinco rodadas antes do término do Brasileirão-2021. A expectativa é de que ele possa estar pronto para a reta final do campeonato. Por ora, ele deve perder pelo menos sete jogos da competição.

Últimas