Trio de gigantes espanhóis são desvalorizados no mercado da bola

Segundo site especializado, Hazard, Dembélé e João Félix tiveram seus valores reduzidos em nova atualização. Lesões atrapalham regularidade de atacante belga e francês

Lance

Lance

Lance

Eden Hazard, Ousmane Dembélé e João Félix, três jogadores que atuam nos maiores clubes do futebol espanhol, tiveram seus valores de mercado desvalorizados, de acordo com o portal do “Transfermarkt”. O belga foi o atleta que teve a queda mais acentuada dentre o trio e uma das justificativas tanto para ele, quanto para o francês do Barcelona, seriam as lesões que atrapalharam seus desempenhos nesta temporada.

Hazard foi contratado pelos merengues por 100 milhões de euros (R$ 440 milhões na época), além de 40 milhões de euros (R$ 148 milhões) variáveis, e alcançou seu valor máximo ao final da temporada passada com o Chelsea, quando chegou a ser cotado em 150 milhões de reais. Agora seu valor é de 100 milhões de euros (R$ 516 milhões) e teve uma queda de 20 milhões de euros (R$ 103 milhões) desde a última atualização.

O atacante do Barcelona é quem mais tem sofrido com lesões do trio. Após ter chegado do Borussia Dortmund por 105 milhões de euros (R$ 392 milhões na época), o atacante pouco jogou ao longo das temporadas com a camisa blaugrana. O atleta que chegou a valer até 120 milhões de euros, hoje é avaliado em apenas 70 milhões de euros (R$ 361 milhões).

Por fim, a jovem estrela do Atlético de Madrid, João Félix, tido como a grande promessa de Portugal desde Cristiano Ronaldo, também sofreu uma desvalorização. O meia que na última atualização estava avaliado em 100 milhões de euros está avaliado neste momento em 90 milhões de euros (R$ 465 milhões).