Futebol Tite elogia Menino: 'É um talento surgindo numa posição importante'

Tite elogia Menino: 'É um talento surgindo numa posição importante'

Treinador da seleção explicou período de observação in loco e à distância para tomar a decisão de convocar o atleta para dois jogos das Eliminatórias

Lance
Gabriel Menino tem se destacado nos jogos do Palmeiras

Gabriel Menino tem se destacado nos jogos do Palmeiras

Lance

Gabriel Menino foi convocado pela primeira vez para a seleção brasileira principal nesta sexta-feira (18) e representará o país na abertura das Eliminatórias para a Copa do Mundo do Catar, contra Bolívia e Peru, dias 9 e 13 de outubro, respectivamente.

Em coletiva de imprensa virtual, o técnico Tite detalhou o acompanhamento feito in loco e à distância e elogiou o desempenho da "Cria da Academia".

"Nós buscamos uma série de informações importantes sobre ele. Vem jogando no meio, mas é utilizado como lateral. Teve sete jogos na posição. Ele teve, na base, e buscamos isso, a sua formação como lateral. Pegamos todas as características pessoais e técnicas do atleta. Todo um histórico. Esse acompanhamento em quatro jogos in loco e oito pela TV. É um novo talento surgindo numa posição importante. Em termos táticos, ele trabalha no centro, vai jogar como lateral, mas a sua função ofensiva vai ser de articulador, similar ao Palmeiras", analisou o comandante da seleção.

Tite disse ainda que contou com o apoio de Paulo Victor, que foi treinador do sub-15 do Palmeiras e agora está à frente do Sub-17 do Brasil, para colher mais informações sobre a formação de Gabriel Menino.

"Fazer com que o atleta jogue na posição parecidas com a do clube é nosso desafio. A função dele, foi o termo que o Paulo usou: 'é um lateral meio-campista'. É um articulador. Podendo jogar na amplitude se for necessário. Tem o conhecimento e a experiência. São funções similares, não iguais. Mas similares", completou o treinador.

Além de Gabriel Menino, o goleiro Weverton, também do Palmeiras, foi chamado para os compromissos na Neo Química Arena contra a Bolívia e posteriormente diante do Peru, em Lima.

Messi e CR7 não são indicados a melhor da Champions. Neymar sim

Últimas