Son entrará num serviço militar obrigatório de três semanas

O jogador do Tottenham aproveitará o intervalo da Premier League para servir seu país, a Coréia do Sul. Em 2018, ele conseguiu se isentar do serviço de 21 meses.

Lance

Lance

Lance

Son Heung-min terá que cumprir um serviço militar obrigatório de três semanas na Coréia do Sul, de acordo com relatos de vários meios de comunicação de seu país natal.

Durante a paralisação da Premier League por conta da pandemia de coronavírus, o atacante do Tottenham está na Coréia do Sul, com a permissão do clube. Son conseguiu se isentar do serviço militar obrigatório de 21 meses, depois de ganhar a medalha de ouro com a Coréia do Sul nos Jogos Olímpicos da Ásia em 2018. No entanto, ele ainda deve servir seu país.

Como o campeonato não será reiniciado até pelo menos 30 de abril, o coreano deve cumprir com o serviço militar obrigatório, que começará nos próximos dias na Ilha de Jeju. O atacante está totalmente recuperado do braço quebrado e estará pronto para jogar o restante da Premier League, caso ela retorne.