Futebol Slimani pede que argelinos esqueçam atletas que optem por outra seleção

Slimani pede que argelinos esqueçam atletas que optem por outra seleção

Meio-campista defendeu jogadores como Aouar e Fekir que optaram por jogar pela seleção francesa e pediu mais respeito aos atletas que foram convocados pela Argélia

Lance
Lance

Lance

Lance

Em entrevista para a revista “France Football”, o meio-campista Islam Slimani pediu para que a imprensa e os torcedores argelinos parasse de perseguir atletas que não optem por defender a seleção de seu país. O caso mais recente foi o de Houssem Aouar, atleta do Lyon, que preferiu vestir a camisa da seleção francesa.

- Aouar fez uma escolha profissional, isso não significa que ele não goste da Argélia. Gostaria de pedir aos argelinos que parem de perseguir jogadores que não querem vir para a seleção. Eu entendo atletas como Aouar e outros, que viveram na França, onde fizeram toda a sua formação. Não vamos mentir: além de familiares e de um período de férias, estes jogadores não tem nada a ver com a Argélia.

Slimani também defendeu a ideia de que falar dos atletas que optaram por outras seleções gera uma desvalorização dos jogadores que são convocados para defender as cores da Argélia dentro do campo.

- Claro que gostaríamos que Aouar ou Fekir jogassem pela Argélia, mas é preciso respeitar a decisão deles e respeitar também quem está na seleção. Não devemos mais falar deles. A seleção não será um nada sem eles. É uma falta de consideração com quem está aqui.

Aos 32 anos, Slimani é um dos principais jogadores da seleção argelina nos últimos anos e foi um dos responsáveis pela conquista da última edição do Campeonato Africano de Nações. A equipe conta com grandes jogadores do futebol mundial, como Mahrez, do Manchester City, e Bennacer, do Milan.

Últimas