Futebol São Paulo projeta dar mais espaço para os jogadores da base em 2019

São Paulo projeta dar mais espaço para os jogadores da base em 2019

Ideia do Tricolor é aproximar os trabalhos realizados no CT de Cotia e da Barra Funda e atletas devem ganhar notoriedade no time principal 

Ideia do Tricolor é aproximar os trabalhos realizados no CT de Cotia e da Barra Funda. Desta forma, os atletas pratas da casa devem ganhar notoriedade no time principal 

André Jardine, ex-técnico das categorias de base dirige agora o time principal

André Jardine, ex-técnico das categorias de base dirige agora o time principal

Lance

A temporada 2019 do São Paulo deve contar com uma presença maior dos jogadores revelados no próprio clube. Depois de contratar Pablo, do Athletico-PR, Hernanes,do Herbei Fortune, da China, e os laterais Léo Pelé, do Fluminense, e Igor Vinícius, da Ponte, o Tricolor não deve fazer grandes contratações antes do início da pré-temporada, nos Estados Unidos. Desta forma, a tendência e também o desejo de diretoria e comissão técnica é de que os garotos de Cotia ganhem espaço.

Copa São Paulo começa nesta quarta-feira com quatro jogos

Como André Jardine foi técnico do time sub-20 do São Paulo por alguns anos, o treinador possui um conhecimento elevado sobre os atletas da base e, inclusive, trabalhou com todos os jogadores do atual elenco que passaram por Cotia. Na Florida Cup, onde o Tricolor joga nos dias 10 e 12 de janeiro, a recomendação é dar rodagem e testar todo o plantel.

Copa América e muito mais! Confira aqui o calendário esportivo de 2019

Sendo assim, nomes como Helinho, Igor Gomes, Lucas Kal e Lucas Perri devem ganhar oportunidade nos Estados Unidos. Mesmo que não sejam titulares neste início de temporada, os garotos serão parte importante dos trabalhos realizados pela comissão técnica.

Ao longo da temporada, a diretoria também espera subir mais alguns outros nomes para mesclar com os jogadores mais experientes do elenco. Vale lembrar que a Copa São Paulo de Futebol Júnior será disputada no primeiro mês deste ano. Durante este período, mesmo que de longe, a comissão técnica estará observando os atletas que se destacarem na competição e algumas promoções não estão descartadas.

O São Paulo entende que é preciso ter uma aproximação maior entre o CT de Cotia e o CT da Barra Funda. Assim, além de não precisar investir alto para contratar jogadores de outros clubes, o clube utiliza os atletas formados em casa e gera a possibilidade de uma renda futura com a venda daqueles que se destacarem no time principal. Por conta disto, André Jardine foi efetivado no comando do clube no fim do ano passado. O treinador tem experiência na base e pode tocar o projeto da diretoria.

Vale lembrar que esta postura do Tricolor não significa uma postura mais tímida no mercado. O clube ainda busca um lateral-direito, um atacante e um volante. Além da Copa Libertadores, principal objetivo da temporada, o São Paulo ainda disputa o Brasileirão, a Copa do Brasil e o Paulistão em 2019.

Negócio fechado! Veja as contratações do mercado da bola