Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Santos se manifesta sobre escalação da árbitra Edina Batista em clássico com o Corinthians; veja a nota

Diretoria do Peixe tentou contato com a comissão de arbitragem da FPF para esclarecer o assunto

Futebol|

Lance
Lance Lance

O Santos divulgou uma nota oficial na qual transparece a preocupação do clube com a escalação da árbitra Edina Alves Batista para apitar o clássico com o Corinthians, neste domingo (26), pelo Paulistão. A partida será disputada na Vila Belmiro.

Segundo o comunicado, a diretoria do Peixe "se empenhou em esclarecer sobre a escolha" em conversas diretas entre os presidentes Andres Rueda e Reinaldo Carneiro Bastos (mandatário da Federação Paulista de Futebol), também entre o coordenador esportivo Paulo Roberto Falcão e o vice da FPF, Mauro Silva.

O Alvinegro alega que tentou contato com a comissão de arbitragem da entidade com a intenção de explicar o contexto da preocupação, pois o Santos diz que foi prejudicado em jogos apitados por Edina. De acordo com a nota, assinada por Andres Rueda, o clube não teve respostas.

A nota ainda esclarece que o objetivo também é "preservar a árbitra" e garante que não questiona a qualidade técnica e seriedade da profissional.

Publicidade

Veja abaixo a nota na íntegra

O Santos Futebol Clube vem a público demonstrar a sua preocupação com a escolha da árbitra Edina Alves Batista para o clássico com o Corinthians no domingo (26), na Vila Belmiro. Desde a divulgação da escala de arbitragem para este importante jogo, o Clube se empenhou em esclarecer sobre essa escolha, em conversas diretas entre os presidentes Andres Rueda e Reinaldo Carneiro Bastos, também entre o coordenador de esportes Falcão e o vice da FPF, Mauro Silva.

Publicidade

Também houve tentativas, sem resposta, de contato com a comissão de arbitragem da entidade, no sentido de demonstrar o contexto atual, depois de erros capitais, reconhecidos pela Federação, em duas partidas, ano passado, diante do São Paulo, e esse ano, na Vila Belmiro, com o Água Santa, que geraram uma grande insatisfação.

Nosso objetivo é também preservar a própria árbitra. Não estamos questionando, em momento algum, a qualidade técnica ou mesmo a seriedade da profissional, mas demonstramos preocupação de um novo fato em partida decisiva no Campeonato Paulista, mais do que isso, um clássico com um tradicional rival, que sempre deixa os ânimos acirrados.

Publicidade

Como não houve a mudança da escala, cabe ao Santos externar essa insatisfação, sabendo que o quadro de arbitragem da FPF dispõe de profissionais gabaritados para suprir essa alteração. Resta ao Clube a expectativa que dessa vez, a condução do jogo não tenha interferência que prejudique o resultado final.

Andres Rueda

Presidente do Santos FC

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.