Santos criou quase 20 chances contra Flu: 'Melhorar o mais rápido', diz Alison

Peixe só acertou o gol com o atacante Soteldo no fim do primeiro tempo, chegou a ter dois jogadores a mais, porém ficou no empate em 1 a 1 com o Tricolor carioca, no Maracanã

Lance

Lance

Lance

O Santos ficou no empate com o Fluminense, em 1 a 1, na última quinta-feira, no Maracanã, pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro. E não foi por falta de oportunidade que a vitória do Peixe não aconteceu. O Alvinegro criou 18 chances de gol, mas só acertou com o atacante Soteldo no fim do primeiro tempo.

No segundo tempo, o Santos chegou a ter dois jogadores a mais e pressionou o Tricolor carioca. Sasha, Carlos Sánchez, Lucas Veríssimo, Felipe Jonatan tiveram oportunidades de colocar o Alvinegro na frente, mas pecaram nas finalizações.

O mesmo número de finalizações ocorreu na derrota para o Grêmio, por 3 a 0, há seis dias. O Santos dominou o adversário no primeiro tempo, mas cometeu erros na segunda etapa e foi superado na Vila Belmiro.

- Nosso pensamento tem que ser voltar a vencer. A gente fica com um sentimento ruim. Temos criado oportunidades, mas não estamos conseguindo concluir. É uma responsabilidade da equipe inteira. Precisamos seguir trabalhando para essa fase acabar. Temos que seguir em frente e melhorar o mais rápido possível - explicou Alison na zona mista do Maracanã.

TABELA
>Confira a classificação e o simulador do Brasileiro clicando aqui

Alison acredita que não é falta de sorte as oportunidades de gols perdidas pelo Santos.

- É difícil falar em falta de sorte. A gente treina para fazer gols, mas temos que seguir trabalhando. A responsabilidade é de todos. Temos que pensar em vencer e conseguir a melhor sequência possível - declarou o volante.

A sequência de vitórias pode começar contra o CSA, neste domingo, às 16h, na Vila Belmiro, pela 22ª rodada do Brasileiro.

Terceiro colocado do torneio nacional, com 38 pontos, o Santos se reapresenta na tarde desta sexta-feira, no CT Rei Pelé.