Futebol Santos busca acordo, mas já pensa em alternativas para proibição de treinos

Santos busca acordo, mas já pensa em alternativas para proibição de treinos

Prefeitura de Santos determinou a proibição das atividades no CT Rei Pelé a partir de terça

Lance
Lance

Lance

Lance

O Santos já está sabendo do aumento das restrição na Baixada Santista por conta do combate à Pandemia da Covid-19. O clube não poderá usar o CT Rei Pelé para treinamentos entre os dias 23 de março e 4 de abril e já pensa em alternativas para a solução do problema.

> Confira a tabela atualizada do Campeonato Paulista


O primeiro passo é o agendamento de uma reunião com o Prefeito da cidade, Rogério Santos. O encontro ainda não foi marcado, mas o clube tentará convencer o chefe do executivo de que seu protocolo é seguro, solicitando a liberação dos treinamentos.

Apesar da possibilidade, a diretoria santista já trabalhar com a hipótese de ter que se deslocar para um período de treinos longe da cidade. Alguns municípios do interior, com Centro de Treinamentos modernos, são vistos como boa possibilidades.

Em meio a tudo isso, existe também uma indefinição sobre quando a equipe voltará a jogar. O Campeonato Paulista está suspenso até o próximo dia 30 e a Federação fará uma reunião com os clubes para buscar alternativas para o calendário.

De qualquer forma, a proibição do treinamento afeta a preparação para o primeiro jogo contra o San Lorenzo, na terceira fase da Libertadores, que será no dia 6 de abril, em Buenos Aires.

Últimas