Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Saiba como estão as possíveis negociações do Corinthians no último dia de janela aberta

Mesmo com a saída de Róger Guedes, a diretoria do Timão não deve trazer novos reforços no última dia da janela internacional...

Futebol|

Lance
Lance Lance

O Corinthians deve mesmo fechar a janela de transferências somente com os reforços do zagueiro Lucas Veríssimo e do meia Matías Rojas. Mesmo com o interesse na contratação de um lateral-esquerdo, a direção corintiana não deve ter tempo hábil para efetuar um possível negócio.

O Timão chegou a se movimentar pela aquisição de Alan Rodríguez, paraguaio que defende o Rosario Central, da Argentina, e atua na ala esquerda. Porém, a pedida do clube argentino foi considerada alta. Os Canallas querem receber algo em torno de 2,5 milhões de dólares (R$ 11,8 milhões) pelo atleta, comprado do Cerro Porteño no início do ano por 750 mil dólares (R$ 3,5 milhões).

+ Renove o seu estoque de camisas do Timão com o cupom LANCEFUT 10% OFF

A avaliação positiva no campo técnico e a possibilidade de revenda futura empolgaram o departamento de futebol corintiano, que até tentou ver formas de se aproximar da pedida do Rosario. No fim, a situação ficou apenas no campo da sondagem, sem envio de proposta oficial.

Continua após a publicidade

O Corinthians também chegou a monitorar a situação do brasileiro Paulinho, que atua no Midtjylland, da Dinamarca. No entanto, o time europeu também acenou que só liberaria por uma quantia considerada alta pela diretoria do clube alvinegro: 2 milhões de euros (R$).

Em ambos os casos dos laterais monitorados, um atrativo foi a parte salarial. O vencimento de ambos nos clubes em que atuam é bastante aquém até mesmo do 'piso' corintiano.

Continua após a publicidade

Houve também a movimentação do Corinthians por um volante no mercado da bola, mas isso deixou de ser prioridade após a ascensão do garoto Gabriel Moscardo ao time profissional.

O Timão ficou próximo de contratar o colombiano Gustavo Cuéllar, que estava no Al-Hilal. Existiam conversas avançadas para que o clube saudita liberasse o meio-campista por 3 milhões de dólares (R$). Porém, quando as coisas estavam bastante avançadas para o time do Parque São Jorge, o Al-Shabab se mostrou disposto a pagar 5 milhões de dólares (R$), valor pedido pelo Hilal no início da janela de transferências.

Continua após a publicidade

Entre o Corinthians e Cuéllar estava tudo acertado para a contratação.

Houve também um contato com o Fortaleza para tentar a aquisição de Zé Welison. Mas o contato foi prontamente descartado pelo Leão do Pici.

Durante o mês que antecedeu a janela de transferências, foi discutida a possibilidade de contratação de um atacante que atue pelos lados do campo. Porém, com a contratação de Rojas, o entendimento é que o argentino atenda às funções tanto na parte central quanto pelas pontas.

Agora, com a saída de Róger Guedes para o Al-Rayyan, do Qatar, a necessidade de um ponta voltou a ser falada no clube do Parque São Jorge. No entanto, o fechamento da janela é um impeditivo para que dificilmente alguém chegue para repor a saída do camisa 10.

A única possibilidade é a contratação de algum jogador livre no mercado, o que é o caso do chileno Alexis Sánchez, que não renovou com o Olympique de Marseille, da França, clube que tinha contrato até o fim de junho.

Sánchez foi oferecido ao Corinthians, que chegou a colocar a possibilidade de contratação no radar, mas avalia o atleta com características de centroavante, função diferente da procurada pelo clube.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.