Futebol Rodrigo Muniz exalta amizade com companheiros do Flamengo e revela 'recompensa' pelas assistências

Rodrigo Muniz exalta amizade com companheiros do Flamengo e revela 'recompensa' pelas assistências

Em programa da FlaTV, atacante reviu os lances da vitória sobre o Macaé e comentou sobre a parceria com Matheuzinho e Ramon

Lance
Lance

Lance

Lance

Neste terça-feira, Rodrigo Muniz reviu, durante programa da FlaTV, os principais lances da vitória do Flamengo por 2 a 0 sobre o Macaé, sábado, no Maracanã. Autor dos dois gols na partida, o atacante comentou sobre a parceria com Matheuzinho e Ramon e também revelou que pagará uma 'recompensa' aos companheiros pelas assistências recebidas.

+ Teve custo-benefício? Confira os clubes que mais gastaram por ponto conquistado no Brasileirão 2020

Na partida válida pela segunda rodada da Taça Guanabara, Muniz abriu o placar no primeiro tempo após cruzamento de Matheuzinho pela direita. Na etapa final, foi a vez de Ramon acertar o passe na medida, e o camisa 9 ampliar o marcador novamente de cabeça. Segundo ele, o time havia estudado o adversário e percebido o potencial das jogadas pelo alto.

- A gente estudou o time do Macaé e viu que as bolas aéreas seriam bacanas para a gente. Eu sou bom na bola aérea, e o Ramon e o Matheuzinho cruzando são absurdos. Graças a Deus, saíram esses dois cruzamentos e conseguimos fazer os dois gols.

Sobre o entrosamento com os laterais, Muniz disse que a parceria vem de fora para dentro do campo. Ao ver o lance do segundo gol, o atacante ainda revelou conversas com Ramon nos bastidores e a "influência" do técnico Maurício Souza na jogada.

- Essa parceria que a gente tem é muito boa porque a gente consegue levar essa afinidade de fora para dentro do campo. Isso ajuda muito. Todo hora que o Ramon chega (na linha de fundo), ele já grita meu nome. Tem hora que tem alguém na frente, mas ele já sabe que eu vou estar lá. Quando ele deu a assistência, ele foi direto no Mauricinho, porque ele tinha dito: "Olha o Muniz".

+ Confira a tabela completa do Cariocão

Depois de receber duas assistências precisas, Muniz foi cobrado no vestiário e terá que recompensar os companheiros.

- Quando a gente chegou no vestiário, o Matheuzinho falou "Quero um almoço", e eu falei que estou devendo. Com o Ramon também. A gente vai marcar este almoço - disse Muniz, de forma bem-humorada.

Últimas