Futebol Réplica: após interesse da Volt, Kappa faz proposta para renovar com o Botafogo

Réplica: após interesse da Volt, Kappa faz proposta para renovar com o Botafogo

Marca italiana, atual fornecedora de material esportivo do Alvinegro, apresenta contraproposta para continuar vestindo o clube; companhia brasileira é a favorita no páreo

Lance
Lance

Lance

Lance

As negociações do Botafogo no que diz respeito ao futuro da fornecedora de material esportivo para as próximas temporadas ganharam um novo capítulo. Após a Volt ter feito uma proposta que agradou às expectativas do clube, a Kappa resolveu 'responder na mesma moeda' e apresentou, nesta sexta-feira, novos números ao Alvinegro.

+ Sem dinheiro, Botafogo tenta convencer Mirassol a emprestar Luís Oyama de novo: 'É um investimento'

A marca italiana, vale lembrar, é a responsável por assinar os uniformes do Glorioso desde 2019. Por contrato, a companhia pode cobrir qualquer proposta que o Botafogo receber até o mês de dezembro. Neste caso, a Kappa resolveu fazê-lo.

O Botafogo estava inclinado para aceitar os números da Volt, que haviam agradado pelo modelo de negócio - relembre como é a proposta da marca brasileira. O departamento de negócios do clube agora fará uma nova rodada de análises.

+ Da desconfiança ao título da Série B: Ao LANCE!, Enderson faz balanço da temporada do Botafogo; veja o vídeo

Entre a nova proposta da Kappa, estão o controle das lojas físicas do Botafogo - uma em General Severiano e a outra no Nilton Santos -, garantias financeiras por temporada, distribuição e um aumento no royalties em relação aos números do contrato atual.

Uma questão também colocada à mesa pela marca italiana foi o tempo hábil para realizar uma possível mudança de fornecedor. Caso o Botafogo optar por mudar a marca que assina os uniformes, as novas camisas teriam que ficar prontas até o fim de janeiro, data de estreia do Alvinegro no Campeonato Carioca. A Kappa colocou que, com a renovação, a coisa poderia acontecer de uma forma 'menos desesperada'.

O 'xis' da questão é que, justamente por essa proximidade da data de estreia da próxima temporada, o Botafogo não tem lá um longo tempo para pensar na resposta. Cada proposta tem prós e contras, garantem pessoas do clube. O Alvinegro vai escolher a que entender que melhor lhe valoriza.

Últimas