Futebol Reforço do Fluminense, Terans revela motivo para atuar no Tricolor: 'Influenciou muito'

Reforço do Fluminense, Terans revela motivo para atuar no Tricolor: 'Influenciou muito'

Uruguaio elogiou o estilo de jogo de Fernando Diniz

Lance
Lance

Lance

Lance

Um dos principais reforços do Fluminense na temporada, David Terans revelou que Fernando Diniz foi um fator chave para sua chegada no Tricolor. Em coletiva, o uruguaio também comentou sobre o estilo de jogo do novo treinador.

- Isso influenciou muito na hora da minha decisão. Tinha amigos que tinham trabalhado com ele em times onde eu já havia jogado e falaram muito bem dele. Segui o Fluminense na Libertadores. Sinto que posso me adaptar muito bem ao estilo de jogo dele. E faz com que todos os jogadores deem seu melhor e cheguem ao alto nível. Todos gostam de jogar futebol da forma como ele joga.

➡️ Tudo sobre o Tricolor agora no WhatsApp. Siga o nosso canal Lance! Fluminense

O meia também comentou sobre seu estilo e como pode ajudar o Time de Guerreiros ao longo de 2024. O atleta afirmou que não é um meia armador, mas que tem a finalização e a bola parada como características primordiais.

- Eu sou um jogador que gosto muito de chegar na área. Não sou um meia armador, como Ganso e Renato. Sou mais avançado, gosto de chegar na área e fazer gol. Gosto muito de chutar de toda a parte do campo. Tenho boa bola parada. Venho aprender, tem muitos jogadores com muita qualidade e espero me adaptar o mais rápido possível para ajudar a equipe.

O Fluminense encara o Sampaio Corrêa, nesta quinta-feira (8), pela 7ª rodada do Campeonato Carioca. Terans já fez duas partidas com o Tricolor e pode ser utilizado pela terceira vez para manter a equipe de Diniz no topo do estadual.

CONFIRA OUTRAS RESPOSTAS DE TERANS:

URUGUAI

- O desejo de voltar à seleção sempre está presente. Mas vai depender muito do dia a dia. Estou focado no Fluminense, em dar o meu melhor e a seleção será consequência disso. Venho para me dedicar ao Fluminense.

VOLTA PARA O BRASIL

- Não tinha vontade de deixar o futebol brasileiro. Houve a oportunidade de ir para o México. Cheguei em uma equipe nova, que havia sido campeã, mas que 15 jogadores foram embora. Cheguei e subi muitos jogadores da base. Me custou na adaptação, o início foi duro. Joguei os últimos seis jogos como titular. Comecei a pré-temporada em dezembro, falei com meu empresário que o time não iria fazer muitos. Eu já tinha vontade de continuar no Brasil. Quis voltar. Chegou o Fluminense, eu tinha outras opções, mas pelo Diniz, por ser o campeão da América, ter jogadores de muitas qualidades, decidi voltar.

DISPUTA POR VAGA

- Venho para trabalhar e disputar uma vaga com meus companheiros. O problema vai ser do Diniz. Ele tem muitos jogadores de qualidade. Todos trabalham muito bem. Venho acrescentar onde eu consigo para conquistar os objetivos do clube daqui para frente.

FERNANDO DINIZ

- O estilo de jogo. Diniz é um treinador que gosta muito de jogar futebol, jogo curto. Gosta muito de melhorar os jogadores. O Fluminense é um time que joga muito bem, como se viu no ano passado. Vou me adaptando e dando o melhor a cada treino para conquistar uma vaga.

EXPERIÊNCIA

- Tenho experiência. Já joguei final de Libertadores, Sul-Americana, Copa do Brasil. Me adaptei muito bem ao futebol brasileiro. Me encontro no Fluminense, um time que joga muito bem, tento me adaptar o mais rápido possível. Estou preparado para isso, treinando para ajudar o Fluminense a conquistar coisas importantes. Temos uma final daqui a pouco tempo, que é a Recopa.

Últimas