Futebol Recuperada de cirurgia no joelho, meia projeta sequência no Flamengo no retorno do Brasileiro Feminino

Recuperada de cirurgia no joelho, meia projeta sequência no Flamengo no retorno do Brasileiro Feminino

CBF determinou a volta do Brasileirão Feminino para o dia 26 de agosto

Lance
Lance

Lance

Lance

O Campeonato Brasileiro Feminino A1 já tem data para retorno. O presidente da Confederação Brasileira de Futebol, Rogério Caboclo, confirmou a data de 26 de agosto como o reinício da competição. Neste dia, o Flamengo/Marinha terá pela frente o Internacional em um confronto atrasado da 5ª rodada.

Uma das principais atletas do Flamengo, a volante Patrícia Derrico está contando os dias para o retorno dos treinos práticos e, consequentemente, da volta do Brasileirão. No time da Marinha há cinco anos e campeã brasileira pelo Rubro-Negro, a meia está recuperada de uma cirurgia no joelho esquerdo.

- A minha recuperação está ótima, com sete meses da cirurgia e estou trabalhando com bola. Nessa quarentena tive treinos com meu fisioterapeuta Leandro Guimarães, que me ajudou muito, e a minha prima, personal trainer Monique França, também me ajudou. Depois ficamos treinando com a personal trainer Maíla Machado. Realizo os treinos orientado por eles, que me ajudam pessoalmente, e quando estou distante faço por conta própria. Agora vou fazer a transição com o fisioterapeuta Hélcio Figueiredo para poder treinar com o grupo - disse Patrícia, que conquistou o título nacional pelo Fla em 2016.

Patrícia foi campeã pela seleção brasileira dos Jogos Mundiais Militares, em 2015, na Coréia do Sul. Em 2017, conquistou o título mundial universitário com o Brasil e, no ano seguinte, foi campeã mundial militar, nos Estados Unidos. Além do Flamengo, a atleta também defendeu o Vitória-PE e o São José-SP.

Agora, Patrícia Derrico vislumbra uma sequência no Flamengo.

- Tenho como meta voltar a jogar bem e ajudar o Flamengo. Vamos aguardar a volta dos treinamentos e ver como tudo vai ficar sobre a pandemia - concluiu.

Últimas