Futebol Presidente diz que rodízio de elenco no Corinthians foi motivado por problemas de saúde de jogadores

Presidente diz que rodízio de elenco no Corinthians foi motivado por problemas de saúde de jogadores

Além de Cássio, Willian, Paulinho e Róger Guedes tiveram febre antes de Dérbi no sábado

Lance
Lance

Lance

Lance

O presidente do Corinthians, Duílio Monteiro Alves, revelou na tarde desta segunda-feira (25), durante entrevista coletiva que marcou o fim do 'apagão' promovido pelo clube em seus meios de comunicação como forma de protesto, que o técnico Vítor Pereira poupou jogadores do time titular do Timão que perdeu o Dérbi com o Palmeiras por 3 a 0, no sábado (23), por problemas de saúde apresentado por algumas peças do elenco às vésperas do clássico.


Além do goleiro Cássio, que chegou a realizar aquecimento no gramado da Arena Barueri, mas acabou sacado dos 11 iniciais, Alves apontou que o meia Willian, um dos pilares do elenco alvinegro, estava com dores em todo o corpo e febre no dia do jogo.

Além dele, destaca o mandatário corintiano, nomes como o volante Paulinho e o atacante Róger Guedes haviam tido os mesmos sintomas gripais dias antes, motivo pelo qual o também volante Cantillo esteve ausente dos treinamentos em boa parte da última semana.

O clube está em sinal de alerta após confirmar durante a manhã que Pereira está ausente dos trabalhos por ter contraído a Covid-19. Deve ser ausência para o duelo contra o Boca Juniors, nesta terça-feira (26), às 21h30 (de Brasília), na Neo Química Arena, pela Copa Libertadores. Cássio, por exemplo, é desfalque confirmado.

- Se tivéssemos falado (depois da derrota para o Palmeiras) seria mais fácil, o treinador teria explicado os problemas que tivemos antes e depois do jogo, do Cássio, do Willian...

Para Alves, não há um rodízio no time titular do Corinthians, muito menos a predileção por uma competição em relação à outra, mas sim a busca de Pereira em encontrar uma escalação mais equilibrada.

- A gente fala em rodízio, mas vamos só deixar claro, sábado ele teve problemas de saúde dos atletas. Ele (técnico) está tentando equilibrar jogadores com mais intensidade com mais qualidade e experiência. E também por conta dos jogos. Tem jogo que precisa poupar mesmo. Parte dele, fica ruim eu ficar opinando. Por conta do desgaste e da tabela você precisa ter dois times de alto nível, não apenas um.

TABELA
> Confira os jogos do Timão no Brasileirão e a classificação
> Confira os jogos do Timão na Libertadores
> Conheça o aplicativo de resultados do LANCE!

Últimas