Premier League anuncia que clubes podem estender contratos que se encerram em junho

Willian, meia do Chelsea, é um dos jogadores da liga inglesa que se encaixa no perfil da nova medida

Lance

Lance

Lance

Em meio à pandemia do novo coronavírus, a Premier League anunciou, nesta quinta-feira e após decisão unânime dos clubes participantes, a aprovação da extensão de contratos para aqueles jogadores que teriam o vínculo encerrado no dia 30 de junho deste ano. Agora, os atletas podem seguir até o fim da temporada - cuja adaptação do calendário ainda não foi realizada.

A medida visa não trazer prejuízos em relação a saídas de jogadores dos clubes da elite da Inglaterra durante a paralisação do futebol no país.

- Foi alcançado um acordo para que clubes e jogadores possam estender os contratos para depois de 30 de junho, até ao final da temporada - informou a liga, em comunicado oficial.

Cabe destacar que o governo do Reino Unido apontou que os esportes poderão retornar a partir do dia 1º de junho. Chefe executivo da Premier League, Richard Masters salientou ainda que "as duas partes devem chegar a um acordo". O prazo para negociação com atletas nas condições citadas é até o dia 23 de junho.

Quem será atingido por esta medida é o Willian, meia do Chelsea. A tendência é que o brasileiro, monitorado pelo mercado internacional, não siga no Blues, mas, agora, permaneça no clube até o fim desta temporada, após junho.