Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Por onde anda Dante? Aos 39 anos, ex-zagueiro da Seleção é capitão e ídolo na França

Defensor participará de masterclass de Felipe Ximenes no Lance!, no dia 19 de setembro, às 19h30

Futebol|Do R7

Lance
Lance Dante atuou por nove clubes em sua carreira (Foto: AFP)

O zagueiro Dante, com passagens de sucesso por clubes do alto escalão europeu, tem presença confirmada na Masterclass de Felipe Ximenes, em parceria com o Lance!, no dia 19 de setembro, às 19h30 (de Brasília). Você poderá acompanhar a aula ao vivo e gratuita para aprender um pouco mais sobre a gestão dentro do futebol.

+ Já pensou trabalhar com futebol? Participe da nossa Masterclass com Felipe Ximenes e descubra oportunidades

Dante, jogador de carreira vitoriosa, atualmente está no Nice, da França. Com 39 anos, o defensor é o capitão do time e um dos líderes do elenco. Tendo chegado em 2016, completou a marca de 251 jogos, com sete gols e 11 assistências registradas.

Revelado pelo Capivariano, o zagueiro passou pelo Juventude e migrou para o Velho Continente em 2004. Depois de um giro na Bélgica e passagens pelo também francês Lille, o experiente jogador chegou ao futebol alemão para defender três clubes: Borussia Monchengladbach, Bayern de Munique e Wolfsburg.

Publicidade

Porém, foi na Baviera que o atleta viveu seu melhor momento: foram dois títulos de Copa da Alemanha, três efetivos de Bundesliga, participação no começo da temporada 2015-16, que configuraria seu quarto título da liga, e o troféu da Champions League de 2012-13 como titular absoluto ao lado de Boateng.

+ Masterclass de Felipe Ximenes e Lance! tem primeiros convidados confirmados

Publicidade

Depois de uma temporada pelo Wolfsburg, Dante optou por voltar à França e vem fazendo história com o Nice. Sendo liderança ativa, levou a equipe para os play-offs da Champions e para a fase de grupos da Europa League em sua jornada.

O bom desempenho no futebol alemão chegou a render seguidas convocações para a Seleção Brasileira. Apesar de não ser peça fixa no time titular, atuou em 13 oportunidades e marcou dois gols, sendo um deles na Copa das Confederações de 2013, em vitória sobre a Itália.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.