Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

Pedro aposta em título de 'Rei da América' para ajudar Flamengo a vencer o Racing na Libertadores

Camisa 9 da Gávea comanda ataque rubro-negro em jogo desta quinta-feira (8)

Futebol|Do R7


Lance
Pedro em ação contra o Vasco, pelo Brasileirão 2023 (Foto: Marcelo Cortes/Flamengo)

Flamengo e Racing se preparam para medir forças nesta quinta-feira (8), em jogo válido pela quinta rodada da fase de grupos da Copa Libertadores. Para o duelo, pelo lado do Rubro-Negro, as atenções se voltam para Pedro. O jogador irá comandar o ataque do Fla e tentará se apoiar no título de Rei da América para ajudar o Mengo a conseguir a vitória e encaminhar a classificação.

Atual Rei da América, Pedro encerrou a temporada 2022 com o título do torneio continental e, também, como o melhor jogador da competição. Na edição, o atacante marcou 12 gols em 13 jogos e foi determinante para o sucesso do Flamengo. Desta vez, o camisa 9 da Gávea tentará utilizar seu alto poder de finalização para ajudar o Fla a superar o Racing e respirar mais 'aliviado' na tabela.

Além do histórico favorável pela Libertadores 2022, Pedro também tem números invejáveis na temporada 2023. Até o momento, o atacante disputou 27 jogos, balançou as redes 23 vezes e deu três assistências, o que representa uma pontaria de 78% e uma taxa de 74% de conversão de chances claras de gol.

+ Veja tabela da Libertadores

Publicidade

Com Pedro 'no comando' do ataque, visto que Gabigol está fora do duelo por lesão no quadríceps esquerdo, o Flamengo vai duelar contra o Racing buscando encaminhar a classificação para as oitavas de final da Copa Libertadores. Além disso, uma vitória sobre o Racing significa também a quebra de um tabu histórico, visto que o Rubro-Negro nunca venceu os argentinos na história do confronto.

A bola vai rolar para Flamengo e Racing nesta quinta-feira (8), às 21h (horário de Brasília), no Maracanã. O Fla tentará utilizar o poder goleador de Pedro, aliado ao 'fator casa' e ao apoio dos rubro-negros a seu favor na busca por um triunfo na competição continental.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.