Futebol O Coringa voltou: a reestreia de Gerson pelo Flamengo em números

O Coringa voltou: a reestreia de Gerson pelo Flamengo em números

Volante participou de uma partida pelo Rubro-Negro após quase um ano e meio na Europa

Lance
Gerson fez sua primeira partida desde que voltou ao Flamengo

Gerson fez sua primeira partida desde que voltou ao Flamengo

Gilvan de Souza/Divulgação CRF

O Flamengo venceu a Portuguesa-RJ por 4 a 1, no Maracanã, em jogo que marcou a estreia dos titulares em 2023. O duelo também confirmou um retorno muito aguardado pela torcida rubro-negra: Gerson. A reestreia do Coringa foi ditada pelo bom futebol e deu algumas certezas para os torcedores neste início de temporada.

Sem necessidade de adaptação

Gerson deixou o Flamengo em junho de 2021 rumo ao Olympique de Marselha, da França. Desde que saiu, o elenco e o esquema do Rubro-Negro mudaram bastante, mas isso não parece ter afetado o Coringa. Alguns velhos amigos, como Gabigol e Filipe Luís, seguiram no Ninho do Urubu e ajudaram na adaptação, que nem chegou a ser 100% necessária.

O volante estava totalmente à vontade no gramado do Maracanã. Ocupando a função de João Gomes, que está por detalhes de deixar o Flamengo rumo à Europa, Gerson se entendeu bem com Thiago Maia e ditou o ritmo do jogo. Ao todo, ele teve 175 ações com a bola e conseguiu excelente aproveitamento nos passes, sem errar nenhum: 71 de 71.

Ditando o ritmo da partida, Gerson foi muito acionado e deu resquícios do volante que a torcida do Flamengo conhece. O primeiro teste, válido pelo Campeonato Carioca, foi produtivo para Vítor Pereira, que pediu sua contratação desde que chegou ao clube. De olho nas decisões que vem pela frente, o treinador português se mostrou satisfeito com o desempenho.

Gerson foi apresentado pelo Flamengo no início do mês

Gerson foi apresentado pelo Flamengo no início do mês

Divulgação/ Flamengo

Coringa e nação: é amor

Além dos elogios de Vítor Pereira, Gerson também recebeu o carinho da torcida antes da partida. As arquibancadas do Maracanã entoaram o nome do volante e mostraram satisfação pelo retorno. Vale destacar que o Coringa já havia recebido uma homenagem da organizada "Raça Rubro-Negra", em forma de bandeirão.

Com Gerson, o Flamengo seguirá a rotina de treinos, de olho nos próximos desafios. O Rubro-Negro volta a campo nesta quarta-feira, às 19h, para enfrentar o Madureira no Estádio Kléber Andrade. O confronto marca o retorno do time carioca ao Espírito Santo, após cinco anos de ausência.

Últimas