Logo R7.com
Logo do PlayPlus
R7 Esporte - Notícias sobre Futebol, Vôlei, Fórmula 1 e mais
Publicidade

No Maraca, São Paulo busca seguir 'recuperação' em arena de Copa

Tricolor tem somente 34% de aproveitamento em estádios utilizados no Mundial realizado no Brasil, em 2014, mas recentemente quebrou um tabu

Futebol|Do R7

Depois de mais de um mês parado, o São Paul volta a campo na próxima quarta, contra o Flamengo, no Maracanã. Ainda em clima de Copa do Mundo, o L! relembra o desempenho do Tricolor nos 12 estádios do Mundial realizado no Brasil. O aproveitamento é baixo (32,4%), mas a equipe já quebrou um tabu neste ano: vencer na Arena da Baixada. Confira!
Depois de mais de um mês parado, o São Paul volta a campo na próxima quarta, contra o Flamengo, no Maracanã. Ainda em clima de Copa do Mundo, o L! relembra o desempenho do Tricolor nos 12 estádios do Mundial realizado no Brasil. O aproveitamento é baix... Depois de mais de um mês parado, o São Paul volta a campo na próxima quarta, contra o Flamengo, no Maracanã. Ainda em clima de Copa do Mundo, o L! relembra o desempenho do Tricolor nos 12 estádios do Mundial realizado no Brasil. O aproveitamento é baixo (32,4%), mas a equipe já quebrou um tabu neste ano: vencer na Arena da Baixada. Confira!
Maracanã - O aproveitamento (0,08%) do Tricolor no palco da final da última edição da Copa do Mundo é para ser esquecido. Foram quatro jogos, com três derrotas e um empate. Na próxima quarta,a equipe do técnico Diego Aguirre encara o Flamengo por lá.
Maracanã - O aproveitamento (0,08%) do Tricolor no palco da final da última edição da Copa do Mundo é para ser esquecido. Foram quatro jogos, com três derrotas e um empate. Na próxima quarta,a equipe do técnico Diego Aguirre encara o Flamengo por lá. Maracanã - O aproveitamento (0,08%) do Tricolor no palco da final da última edição da Copa do Mundo é para ser esquecido. Foram quatro jogos, com três derrotas e um empate. Na próxima quarta,a equipe do técnico Diego Aguirre encara o Flamengo por lá.
Arena Corinthians - Na casa de seu maior rival, o São Paulo jamais comemorou uma vitória. Ao todo, o Tricolor soma oito partidas em Itaquera, com dois empates e seis derrotas (0,08% de aproveitamento). Em outubro, o time de Diego Aguirre faz um Majestoso no estádio que abriu a Copa do Mundo de 2014.
Arena Corinthians - Na casa de seu maior rival, o São Paulo jamais comemorou uma vitória. Ao todo, o Tricolor soma oito partidas em Itaquera, com dois empates e seis derrotas (0,08% de aproveitamento). Em outubro, o time de Diego Aguirre faz um Majesto... Arena Corinthians - Na casa de seu maior rival, o São Paulo jamais comemorou uma vitória. Ao todo, o Tricolor soma oito partidas em Itaquera, com dois empates e seis derrotas (0,08% de aproveitamento). Em outubro, o time de Diego Aguirre faz um Majestoso no estádio que abriu a Copa do Mundo de 2014.
Arena da Baixada - Pavor do torcedor são-paulino por muitos anos, a Arena da Baixada foi superada nesta temporada. Desde a realização da Copa do Mundo no Brasil, o Tricolor jogou na casa do Furacão em cinco oportunidades, com uma vitória e quatro derrotas (20% de aproveitamento).
Arena da Baixada - Pavor do torcedor são-paulino por muitos anos, a Arena da Baixada foi superada nesta temporada. Desde a realização da Copa do Mundo no Brasil, o Tricolor jogou na casa do Furacão em cinco oportunidades, com uma vitória e quatro derro... Arena da Baixada - Pavor do torcedor são-paulino por muitos anos, a Arena da Baixada foi superada nesta temporada. Desde a realização da Copa do Mundo no Brasil, o Tricolor jogou na casa do Furacão em cinco oportunidades, com uma vitória e quatro derrotas (20% de aproveitamento).
Mineirão - Local onde Cruzeiro e Atlético-MG costumam mandar suas partidas, o Mineirão foi o palco do 7x1, o maior vexame da história da Seleção Brasileira. Na capital mineira, nos últimos quatro anos, foram seis partidas e 33,3% de aproveitamento, com duas vitórias e quatro derrotas.
Mineirão - Local onde Cruzeiro e Atlético-MG costumam mandar suas partidas, o Mineirão foi o palco do 7x1, o maior vexame da história da Seleção Brasileira. Na capital mineira, nos últimos quatro anos, foram seis partidas e 33,3% de aproveitamento, com... Mineirão - Local onde Cruzeiro e Atlético-MG costumam mandar suas partidas, o Mineirão foi o palco do 7x1, o maior vexame da história da Seleção Brasileira. Na capital mineira, nos últimos quatro anos, foram seis partidas e 33,3% de aproveitamento, com duas vitórias e quatro derrotas.
Arena de Pernambuco - assim como em Itaquera e no Maracanã, a Arena Pernambuco é território hostil para os tricolores. Por lá, foram duas partidas e duas derrotas. O aproveitamento nulo é acompanhado do número de gols anotados por lá: zero.
Arena de Pernambuco - assim como em Itaquera e no Maracanã, a Arena Pernambuco é território hostil para os tricolores. Por lá, foram duas partidas e duas derrotas. O aproveitamento nulo é acompanhado do número de gols anotados por lá: zero. Arena de Pernambuco - assim como em Itaquera e no Maracanã, a Arena Pernambuco é território hostil para os tricolores. Por lá, foram duas partidas e duas derrotas. O aproveitamento nulo é acompanhado do número de gols anotados por lá: zero.
Mané Garrincha - um dos melhores desempenhos do Tricolor nas arenas utilizadas no Mundial se dá na capital federal. Em três jogos em Brasília, duas vitória e um empate. Ao todo, o São Paulo soma 77,7% dos pontos disputados.
Mané Garrincha - um dos melhores desempenhos do Tricolor nas arenas utilizadas no Mundial se dá na capital federal. Em três jogos em Brasília, duas vitória e um empate. Ao todo, o São Paulo soma 77,7% dos pontos disputados. Mané Garrincha - um dos melhores desempenhos do Tricolor nas arenas utilizadas no Mundial se dá na capital federal. Em três jogos em Brasília, duas vitória e um empate. Ao todo, o São Paulo soma 77,7% dos pontos disputados.
Beira Rio - na casa do Internacional, o desempenho do Tricolor é melhor do que em outras tradicionais arenas do futebol brasileiros. Diante dos Colorados, o Tricolor fez três partidas e está invicto, com uma vitória e dois empates (55,5% de aproveitamento).
Beira Rio - na casa do Internacional, o desempenho do Tricolor é melhor do que em outras tradicionais arenas do futebol brasileiros. Diante dos Colorados, o Tricolor fez três partidas e está invicto, com uma vitória e dois empates (55,5% de aproveitame... Beira Rio - na casa do Internacional, o desempenho do Tricolor é melhor do que em outras tradicionais arenas do futebol brasileiros. Diante dos Colorados, o Tricolor fez três partidas e está invicto, com uma vitória e dois empates (55,5% de aproveitamento).
Arena Fonte Nova - Na Bahia, o São Paulo atuou em três oportunidades desde a realização da Copa do Mundo no país. Ao todo, o Tricolor do Morumbi tem uma vitória, um empate e uma derrota, somando 44,4% dos pontos disputados.
Arena Fonte Nova - Na Bahia, o São Paulo atuou em três oportunidades desde a realização da Copa do Mundo no país. Ao todo, o Tricolor do Morumbi tem uma vitória, um empate e uma derrota, somando 44,4% dos pontos disputados. Arena Fonte Nova - Na Bahia, o São Paulo atuou em três oportunidades desde a realização da Copa do Mundo no país. Ao todo, o Tricolor do Morumbi tem uma vitória, um empate e uma derrota, somando 44,4% dos pontos disputados.
Arena Castelão - com a ausência de Fortaleza e Ceará da elite do futebol nacional por algumas temporadas, a equipe do Morumbi atuou pouco no estádio da capital cearense. Foram duas partidas: um empate e uma vitória, totalizando 66% de aproveitamento.
Arena Castelão - com a ausência de Fortaleza e Ceará da elite do futebol nacional por algumas temporadas, a equipe do Morumbi atuou pouco no estádio da capital cearense. Foram duas partidas: um empate e uma vitória, totalizando 66% de aproveitamento. Arena Castelão - com a ausência de Fortaleza e Ceará da elite do futebol nacional por algumas temporadas, a equipe do Morumbi atuou pouco no estádio da capital cearense. Foram duas partidas: um empate e uma vitória, totalizando 66% de aproveitamento.
Arena da Amazônia - Tratado por muito como um elefante branco, por conta da ausência de clubes na região, a Arena da Amazônia, no extremo norte do Brasil, já recebeu o São Paulo em duas oportunidades: uma vitória e uma derrota na conta do Tricolor, o que lhe garante 50% de aproveitamento.
Arena da Amazônia - Tratado por muito como um elefante branco, por conta da ausência de clubes na região, a Arena da Amazônia, no extremo norte do Brasil, já recebeu o São Paulo em duas oportunidades: uma vitória e uma derrota na conta do Tricolor, o q... Arena da Amazônia - Tratado por muito como um elefante branco, por conta da ausência de clubes na região, a Arena da Amazônia, no extremo norte do Brasil, já recebeu o São Paulo em duas oportunidades: uma vitória e uma derrota na conta do Tricolor, o que lhe garante 50% de aproveitamento.
Arena Pantanal - em Cuiabá, o São Paulo fez apenas um jogo. O time venceu um clássico diante do Santos e, por isso, está com aproveitamento impecável.
Arena Pantanal - em Cuiabá, o São Paulo fez apenas um jogo. O time venceu um clássico diante do Santos e, por isso, está com aproveitamento impecável. Arena Pantanal - em Cuiabá, o São Paulo fez apenas um jogo. O time venceu um clássico diante do Santos e, por isso, está com aproveitamento impecável.
Arena das Dunas - O estádio localizado em Natal foi o único utilizado como sede para o Mundial de 2014 que o São Paulo ainda não jogou.
Arena das Dunas - O estádio localizado em Natal foi o único utilizado como sede para o Mundial de 2014 que o São Paulo ainda não jogou. Arena das Dunas - O estádio localizado em Natal foi o único utilizado como sede para o Mundial de 2014 que o São Paulo ainda não jogou.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.