No grupo de risco, Jesualdo recebe visitas de médico do Santos, mas não apresenta sintomas de COVID-19

Treinador permanece no Brasil durante a pandemia do novo coronavírus, enquanto sua esposa e alguns auxiliares retornaram a Portugal

Lance

Lance

Lance

O Departamento Médico do Santos dispôs atenção especial ao técnico Jesualdo Ferreira durante o período de quarentena. Aos 74 anos, o treinador encontra-se no grupo de risco do novo coronavírus, por conta da idade.

Em “entrevista coletiva online” concedida através da Santos TV, o Dr. Ricardo Galotti, coordenador do DM do Peixe, afirmou que Jesualdo não possui sintomas de COVID-19. No entanto, o departamento mantém contato constante com ele, inclusive com visitas do Dr. Fábio Novi, que integra a equipe médica santista.

– Professor Jesualdo está na faixa dos 70 anos, preconizado como grupo de risco, além de outras patologias que ele não tem. DM entra em contato com ele frequentemente. Dr. Fábio Novi o visita. Ele está bem, sem sintomas – afirmou Galotti.

Para o representante do DM, é importante que o técnico português reforce a atenção a medidas sanitárias básicas, principalmente com a retomada dos treinamentos, que tem sido articulada pela Federação Paulista de Futebol, mas ainda não possui data definida.

– A principal medida é higienização total de mãos e usar máscara, sem ter contato com ninguém que tenha sintomas – disse o doutor.

O Santos já possui um protocolo de medidas a serem adotadas a partir da autorização do retorno aos treinamentos e aguarda o aval do poder público para aplicar.