Futebol Mourinho: 'O único que não pode chorar do VAR é o United'

Mourinho: 'O único que não pode chorar do VAR é o United'

Técnico português elogiou time do Tottenham após a partida, valorizou a goleada histórica por 6 a 1 e minimizou críticas após expulsão de Martial em lance com Lamela

Lance
Lance

Lance

Lance

Apesar da polêmica expulsão de Martial contra o Tottenham no último domingo, o técnico José Mourinho afirmou que os Red Devils não deveriam reclamar da decisão do juiz. O francês acertou um tapa na cara de Lamela após o argentino ter esbarrado com o braço no rosto do atacante. A reação do 11 do time londrino também foi considerada exagerada pela imprensa britânica.

- Não vi (o lance), talvez veja mais tarde. Se há alguém que não pode chorar pelas decisões do VAR é o Manchester United. A única coisa que sei é que jogamos muito bem. Alguns dirão que jogamos contra 10 por muito tempo, mas jogando onze contra onze estivemos bem, criamos problemas para o United, estávamos ganhando por 2 a 1 e eles não encontraram soluções para nos parar.

A equipe dirigida por Solskjaer saiu na frente com gol de pênalti de Bruno Fernandes e Martial foi expulso aos 28 minutos da primeira etapa. A principal reclamação foi em relação a uma possível falta de critério do árbitro ao não expulsar o argentino Lamela no lance após ter provocado a situação.

Últimas