Futebol Milan está perto de ser comprado por fundo de investimentos do Bahrein, diz jornal

Milan está perto de ser comprado por fundo de investimentos do Bahrein, diz jornal

Atualmente gerido por grupo dos Estados Unidos, equipe rubro-negra deverá ser vendida à Investcorp, que promete investir R$ 1,5 bilhão já na próxima janela de transferências

Lance
Lance

Lance

Lance

Buscando retomar o protagonismo de anos passados, o Milan está perto de ser negociado com um fundo de investimentos do Bahrein. De acordo com a imprensa italiana, o clube rubro-negro tem conversas avançadas com a Investcorp, que pode concluir a operação ao final da atual temporada.


Segundo o jornal "Gazzetta dello Sport", o grupo do Oriente Médio deverá investir 1 bilhão de euros (pouco mais de R$ 5 bilhões) para fechar o negócio. O aporte inicial será de 300 milhões de euros (R$ 1,5 bilhão) para contratações já na próxima janela de transferências.

+ Veja a tabela e os jogos da Lega Serie A

Atualmente, o Milan é controlado pelo grupo estadunidense Elliott Management, que detém 99,93% das ações do clube rubro-negro. Segundo a imprensa italiana, a direção de futebol da equipe deverá ser mantida com Paolo Maldini e Ricky Massara, dirigentes de momento.

+ Fernandinho vai voltar ao Brasil: veja por onde andam os jogadores da Copa de 2014

Ainda conforme a "Gazzetta dello Sport", a Investcorp deseja colocar o Milan novamente como uma das potências do futebol europeu e já planeja as primeiras contratações. Os primeiros nomes citados foram os de Sébastien Haller (Ajax), Christopher Nkunku (RB Leipzig), Nicolò Zaniolo (Roma) e Aurélien Tchouaméni (Monaco).

Últimas