Meio-campista da Inter de Milão entra na mira do Valencia

Apesar do interesse dos espanhois e do suposto desejo dos italianos em "fazer caixa", valor atual da transação seria entrave para evolução do negócio

Lance

Lance

Lance

Em informação que vem sendo repercutida tanto na Espanha como na Itália, o meio-campista Matías Vecino, da Inter de Milão, está na lista de possíveis contratações do Valencia pensando na próxima janela de transferências no futebol europeu.

O próprio agente do jogador, o italiano Alessandro Lucci, teria chegado a oferecer o atleta para a equipe das Astúrias e também para outro time importante do país, o Sevilla.

Um dos pontos elencados pelos meios de comunicação do continente é que não existe uma boa relação entre Vecino e o atual técnico da Inter, Antonio Conte. Algo que, consequentemente, pode respingar em uma maior sequência do jogador charrua de 28 anos de idade como titular.

Outros fatores positivos para a realização da transação seriam o bom relacionamento entre as diretorias que proporcionaram as idas de Geoffrey Kondogbia e João Cancelo para a Espanha e também o desejo da Internazionale em "fazer caixa" com vendas como a de Vecino e, principalmente, de Lautaro Martínez. Quantia essa que seria revertida em reforços para o plantel também na próxima janela.

Contudo, existem dois elementos triviais que possuem poder de inviabilizar o negócio. A incerteza do Valencia se conseguirá vaga para participar da próxima edição da Liga dos Campeões da Europa é algo que influencia diretamente no patamar de investimento do clube.

Algo que remete diretamente ao valor que seria necessário investir para pagar a multa rescisória do uruguaio, algo na casa dos 30 milhões de euros (R$ 187,6 milhões).