Futebol Mbappé sobre casos de racismo: ‘Eu concordo em deixar o campo’

Mbappé sobre casos de racismo: ‘Eu concordo em deixar o campo’

Jovem atacante francês foi duro ao comentar sobre preconceitos que alastram futebol europeu. Atleta ainda citou ídolos e inspirações no esporte

Mbappé, Neymar, Zidane, racismo

Mbappe citou também boa relação com Neymar

Mbappe citou também boa relação com Neymar

Anne-Christine Poujoulat/ AFP

O jovem francês Kylian Mbappé, atacante do Paris Saint-Germain, deu uma entrevista para o jornal italiano “La Gazzetta dello Sport” e falou sobre racismo no futebol, Neymar e como Cristiano Ronaldo o inspira. O jogador se posicionou de forma dura contra os preconceitos raciais que estão cada vez mais frequentes nos estádios da Europa.

Veja mais: Vem bebê por aí? Relembre capítulos do casal Gabigol e Rafaella

- Eu concordo em deixar o campo se todos fizerem. Se alguém não sai, significa que aceita algo inaceitável. Devemos nos perguntar se tudo foi feito fora dos estádios para resolver o problema do racismo. A gente não deveria esperar o problema bater na nossa porta para resolver.

Após criticar os problemas sociais enfrentados na Europa, o atacante explicou um pouco da sua relação com o craque brasileiro Neymar e sobre o ataque do PSG.

- Neymar é um grande jogador e tenho um bom relacionamento com ele. Estas duas últimas temporadas foram difíceis para ele, mas voltou ao mais alto nível. É bom para o PSG e para os amantes do futebol. Poucas equipes têm atacantes do nível dos nossos, mas o ataque não é tudo. É preciso ter espírito de equipe e jogar coletivamente.

O atacante da seleção francesa também explicou sobre seus ídolos e inspirações no meio do futebol, como Zidane, Cristiano Ronaldo e diversos brasileiros.

Veja mais: Neymar é trollado por jogadores do PSG e leva susto com cobra

- Se você é francês, você cresce com Zidane de ídolo. Meu outro ídolo é Cristiano Ronaldo, quem tive a sorte de enfrentar em campo. Me encantava jogadores brasileiros como Pelé, Ronaldinho, Ronaldo, Kaká.

Ainda sobrou espaço para Mbappé comentar sobre Cristiano Ronaldo e o francês disse com quem quer se parecer no futuro de sua carreira.

- Para mim já é tarde fazer uma carreira como a de Messi, só se tivesse ficado no Monaco. Sem tirar nenhum mérito de Messi, mas tenho de me inspirar na carreira de Cristiano Ronaldo.

Kylian Mbappé não tremeu diante de perguntas polêmicas que saem do campo exclusivo do esporte. O francês terá um confronto nesta quarta-feira contra o Reims, pela Copa da Liga Francesa. O atleta também não quis falar sobre uma possível ida de Paris para Madri e seguir os passos do ídolo português.

Curta a página do R7 Esportes no Facebook

Com Flamengo em 4º lugar, veja os melhores times do mundo em 2019