Matheus Ferraz afirma ser a favor da redução salarial: 'Acho válido para ajudar o clube e os funcionários'

Em entrevista ao LANCE!, zagueiro entende que é preciso ter consciência neste momento de crise. Promessas cumpridas da diretoria ajuda o jogador a ter esse posicionamento

Lance

Lance

Lance

Um dos líderes do Fluminense, tanto dentro como fora de campo, o zagueiro Matheus Ferraz se posicionou sobre a redução salarial que está sendo proposta pelo clube neste momento que o futebol está paralisado. Em entrevista exclusiva ao LANCE!, o jogador afirmou ser a favorável a um acordo, dando a entender que está próximo de acontecer.

- Com essa crise, querendo ou não, todo mundo perde. A gente tem que ter a consciência e acho válido reduzir o salário para ajudar o clube e os funcionários que necessitam. Com essa redução vai dar uma equilibrada nas receitas. Então eu concordo com o que vem sendo proposto. A gente vai perder um pouco agora, mas é por conta de algo que a gente não esperava. Todo mundo vai ter que abrir mão de um pouco nesses meses.

Abrir mão de parte dos vencimentos não é uma decisão fácil. No entanto, ela é respaldada pela gestão do presidente Mário Bittencourt, que na avaliação de Matheus Ferraz, faz de tudo para resolver os problemas financeiros do Fluminense.

- Desde que o Mário entrou, ele tem trabalhado muito para resolver essa questão financeira do clube, alcançando êxito nas operações que vem fazendo. Então isso nos dá uma tranquilidade. A gente sabe que o Fluminense sofre com essas questões financeiras e não é de agora. Para normalizar isso, requer um bom tempo e o presidente vem fazendo um grande trabalho.

Os profissionais da comissão técnica e dirigentes remunerados já reduziram os salários em 15%. O clube deve 60% dos salários de fevereiro de atletas e funcionários, mais 100% dos PJs do mesmo mês, além do mês de março e direitos de imagem, remuneração que apenas alguns jogadores recebem.