Futebol Maratona de jogos e mais de 10 treinos completos: veja como foi o mês de agosto para o Corinthians

Maratona de jogos e mais de 10 treinos completos: veja como foi o mês de agosto para o Corinthians

Timão disputou oito jogos em agosto, com aproveitamento de 33%

Lance
Lance

Lance

Lance

O mês de agosto chegou ao fim e o Corinthians viveu um de seus meses mais intensos na temporada. Com decisões em dois mata-matas, a equipe foi eliminada pelo Flamengo nas quartas de final da Libertadores, passou pelo Atlético-GO nas quartas de final da Copa do Brasil, e se manteve no G4 do Brasileirão.

GALERIA - Relembre 12 momentos marcantes na história do Timão

No geral, o retrospecto do Timão em agosto não foi positivo. A equipe de Vítor Pereira disputou oito jogos em 31 dias, o que dá uma média de um jogo a cada três dias. Dos oito confrontos, o Timão venceu dois, empatou dois, e perdeu quatro, com aproveitamento de 33%.

O clube alvinegro também sofreu a sua primeira derrota na Neo Química Arena na temporada, ao ser derrotado por 2 a 0 diante do Flamengo, na partida de ida da Libertadores. O revés diante do Rubro-Negro também marcou a primeira derrota de Vítor Pereira sob o comando do clube como mandante.

Após a eliminação para a equipe de Dorival Júnior, o Corinthians tinha pela frente um Dérbi contra o Palmeiras, pelo Brasileirão. Os comandados de Vítor Pereira fizeram boa partida, mas a equipe de Abel Ferreira foi letal e impôs uma dura derrota ao Timão, em Itaquera. Mesmo assim, o clube alvinegro terminou o mês em 4º no campeonato, com 42 pontos.

Jogos do Corinthians em agosto:

02/08 - Corinthians 0 x 2 Flamengo - Libertadores
06/08 - Avaí 1 x 1 Corinthians - Brasileirão
09/08 - Flamengo 1 x 0 Corinthians - Libertadores
13/08 - Corinthians 0 x 1 Palmeiras - Brasileirão
17/08 - Corinthians 4 x 1 Atlético-GO - Copa do Brasil
21/08 - Fortaleza 1 x 0 Corinthians - Brasileirão
24/08 - Fluminense 2 x 2 Corinthians - Copa do Brasil
29/08 - Corinthians 1 x 0 Red Bull Bragantino - Brasileirão

TABELA - Simule os jogos do Timão no Campeonato Brasileiro

LESÕES

Um dos grandes dilemas de Vítor Pereira no Corinthians diz respeito a quantidade de jogadores entregues ao departamento médico. Em momentos da temporada, o treinador ficou sem suas principais peças e recorreu ainda mais aos 'miúdos' da base.

Em agosto, 12 jogadores foram desfalques por pelo menos uma partida do Corinthians em decorrência de questões médicas.

A lesão mais séria foi a do volante Maycon. Um dia após a primeira partida contra o Flamengo, na Libertadores, um exame constatou uma fratura no segundo dedo do pé esquerdo do camisa 5, que está há quase um mês sob os cuidados de departamento médico e ainda não tem data para retornar aos gramados.

Segundo a última atualização fornecida, ele está concluindo os treinos de força na academia do clube.

Desfalques do Corinthians durante o mês de agosto

Carlos Miguel - Covid-19
Matheus Donelli - entorse no tornozelo
Rafael Ramos - lesão no músculo posterior de coxa
Bruno Melo - virose e dores no quadril
Raul Gustavo - dores no adutor da coxa direita
Willian - tendinite no posterior da coxa direita
Renato Augusto - condicionamento físico
Maycon - fratura no segundo dedo do pé esquerdo
Giuliano - bronquite
Júnior Moraes e Roni - dores no joelho direito
Adson - dor na região do púbis

TREINOS

Uma questão que Vítor Pereira sempre bate na tecla é o pouco tempo de treino em decorrência dos diversos compromissos do clube em um apertado calendário brasileiro.

Ao longo dos 31 dias do mês de agosto, o técnico corintiano deu 12 treinos completos e quatro treinos onde parte do elenco realizou um trabalho regenerativo, enquanto o restante do grupo treinava no CT. O elenco recebeu quatro dias de folga durante o mês.

No mês, o grupo alvinegro também fez viagens para Florianópolis, Rio de Janeiro (2x) e Ceará. A gestão do elenco durante as viagens foi tema levantado por Vítor Pereira após a derrota por 1 a 0 diante do Fortaleza.

- Naturalmente temos que olhar para esse jogo sabendo que hoje vamos viajar, vamos chegar em São Paulo de madrugada, vamos ficar um dia em São Paulo e teremos mais uma viagem, sendo que já fizemos uma. Em quatro dias, três viagens, duas delas de 3 horas e meia. Fluminense com mais um dia de recuperação. Há de priorizar e hoje tivemos para estarmos frescos, porque temos uma eliminatória no próximo jogo. Hoje tivemos que descansar vários jogadores e gerir outros para chegarmos em condições para discutir a eliminatória - relatou o português - disse o português após o jogo contra o Leão do Pici.

Últimas