Futebol Mancini conquista grupo do Corinthians com discurso direto

Mancini conquista grupo do Corinthians com discurso direto

Equipe se prepara para enfrentar o Goiás, nesta segunda-feira, às 20h, na Neo Química Arena, pelo Campeonato Brasileiro

Lance
Mancini está há pouco mais de dois meses no cargo

Mancini está há pouco mais de dois meses no cargo

Lance

O Corinthians pode ainda não estar jogando o futebol que sua torcida espera, muito menos alcançando resultados do tamanho do clube, mas é inegável que a chegada de Vagner Mancini trouxe uma nova perspectiva para a equipe nesta temporada. E um dos "segredos" dessa mudança foi a relação sincera e direta do treinador com o grupo, a mesma com que ele se posiciona em público.

Veja também: Família mostra o fanatismo pelo Corinthians

Há pouco mais de dois meses no cargo, o técnico corintiano tem se caracterizado pelo discurso realista que adota em suas entrevistas coletivas, seja durante a semana, seja após as partidas. Desde a primeira, em sua apresentação, a ideia exposta sempre levou em conta o momento da equipe, que ali brigava contra o rebaixamento e hoje começa a pensar mais alto.

- Acho que isso foi fundamental, porque você tendo a realidade sendo mostrada no dia a dia, acaba te aproximando daquilo que tem que ser feito, eu não consigo vislumbrar nenhum cenário quando você passa uma mensagem que seja irreal. O atleta é inteligente, ele sabe o que é possível e quando é possível - disse Mancini em coletiva no último sábado, antes de completar:

- A partir do momento em que o Corinthians melhorou no campeonato e passou a jogar um futebol melhor, a gente começou a abrir o leque de opções. Enquanto a gente estava com um futebol bem abaixo do que poderia jogar, eu não falava sobre nada além do que tinha que ser falado, porque se não você começa a colocar uma meta que o cara acha muito difícil de conseguir alcançar e isso acaba gerando desconforto e desconfiança no atleta.

Mesmo nos momentos em que o time passou a mostrar evolução dentro de campo, Mancini tratou de colocar as coisas como elas são, e pontuou o que ainda precisaria melhorar para que pudesse brigar por objetivos maiores no campeonato, sempre em sintonia com o que estava sendo visto em campo. Isso também ajuda a frear qualquer empolgação dentro do grupo de atletas.

- A partir do momento em que você consegue ver uma melhora da equipe, você tem que frear em alguns momentos os mais empolgados, o excesso de entusiasmo, porque isso também faz parte. Eu hoje falava com os atletas que o gol do Otero fez com que a gente ganhasse do São Paulo e não do Goiás, contra o Goiás a gente vai ter que construir a vitória - comentou.

Nos bastidores, essa relação de Mancini com os jogadores tem sido muito elogiada e o grupo tem "comprado" a ideia do treinador justamente por esse discurso direto. O fato de não trazer promessas irreais no vestiário e na imprensa, gerou esse relacionamento maduro e de confiança entre as partes. Algo diferente do que vinha acontecendo com comandos anteriores.

- Eu acho que essa realidade, essa forma direta com que eu lido com eles, tem ajudado no processo, porque tudo faz parte de um processo, a gestão de pessoas, a gestão de ambientes... É importante quando o atleta ouve e consegue detectar as coisas que estão sendo ditas, porque se eu começar a botar metas que são inalcançáveis, o cara vai desanimar, porque ele sabe que não vai conseguir atingir. Acho muito importante que essa relação seja bem madura para que o atleta possa realmente se esforçar e jogar seu limite sempre para o alto - concluiu o treinador alvinegro.

O Corinthians chega embalado para enfrentar o Goiás, nesta segunda-feira, às 20h, na Neo Química Arena, em partida válida pela 26ª rodada do Brasileirão-2020. Atualmente, o Timão ocupa a 10ª posição na tabela, com 33 pontos.

Você sabe de quais estados são esses 30 clubes? Tente acertar!

Últimas