Futebol Manchester City pode ser punido e rebaixado na Premier League; entenda situação

Manchester City pode ser punido e rebaixado na Premier League; entenda situação

Clube enfrenta processo envolvendo o Fair Play Financeiro há anos, por possíveis 115 violações de regras

Lance
Lance

Lance

Lance

O Manchester City pode estar prestes a sofrer punições pesadas. Os ingleses enfrentam acusações de violações em relação às regras do Fair Play Financeiro há cerca de cinco anos, e devem ser julgados nas próximas semanas. Entenda com o Lance! a situação dos mancunianos.

➡️ Siga o Lance! no WhatsApp e acompanhe em tempo real as principais notícias do esporte

A Premier League acusa os Citizens de omitir informações financeiras precisas em relação às suas contas, além de violar as regras de lucratividade e sustentabilidade (PSR) da liga. As supostas irregularidades estão relacionadas com o dono do clube, o qatari Sheikh Mansour, que nega ter cometido infrações.

A história começou em 2018, quando o jornal “Der Spiegel” divulgou possíveis aportes diretos de Mansour ao City, o que não é permitido. Através de outros investimentos, o administrador teria acobertado o valor gasto com investimentos, assim burlando as regras da Uefa.

Após meses de investigação, a entidade máxima do futebol europeu suspendeu os Citizens de jogar competições continentais em fevereiro de 2020, anulando a decisão meses depois. Em fevereiro de 2023, porém, vieram as acusações da Premier League, que envolvem 115 infrações de regras traçadas pela liga inglesa.

A punição mais provável é a dedução de pontos no Campeonato Inglês, mas existe também a possibilidade de uma queda para a segunda divisão nacional. O Everton, comandado pela 777 Partners - mesma empresa que administra o Vasco -, já enfrentou uma perda de dez pontos nesta temporada, e está a apenas um ponto de entrar na zona do rebaixamento.

➡️ Atlético de Madrid x Real Madrid: onde assistir ao vivo, horário e prováveis escalações do jogo pela Copa do Rei

Na história da Premier League, apenas outros dois clubes, além dos Toffees, foram punidos com perdas de pontos: o Middlesbrough foi deduzido em três pontos, em 1996-97, por não disputar uma partida contra o Blackburn; e o Portsmouth, em 2010, perdeu nove ao entrar em concordata. Ambos foram rebaixados ao fim das temporadas.

O jornalista Simon Stoney, da "BBC", afirmou que já há uma data definida para o julgamento do City, que será feito por uma comissão independente, mas a Premier League ainda não informou com exatidão.

Últimas