Logo R7.com
Logo do PlayPlus
Publicidade

Luís Castro exalta determinação do Botafogo e sinergia com torcida: 'União perfeita para chegarmos à vitória'

Comandante cita que há aspectos positivos na atuação do Alvinegro, que oscilou após abrir o placar, mas ficou com os três pontos na...

Futebol|

Lance
Lance Lance

O Botafogo retornou ao Nilton Santos depois da mudança para o gramado sintético e começou o Campeonato Brasileiro com o pé direito. Em um jogo bastante disputado, o Alvinegro bateu o São Paulo por 2 a 1 com gols de Tiquinho Soares e Eduardo, enquanto Calleri descontou para o Tricolor paulista. Na coletiva de imprensa, Luís Castro exaltou a relação direta com a torcida e concordou que a equipe oscilou após abrir o placar.

+ Confira e simule a tabela do Campeonato Brasileiro

- O resultado de hoje é de equipe com coragem, organizada e determinada, que prova claramente que a arte de atacar e defender são duas formas expressas no jogo que temos que ser competentes. É isso que reflete, depois de tantas viagens e jogos. Regressar ao Nilton (Santos) foi fantástico, obrigado à torcida, nunca desacreditou, entregou-se ao jogo, assim como os jogadores, foi união perfeita para chegarmos à vitória. Quando há grande união entre torcedores e jogadores, as coisas acontecem - citou.

Ao ser questionado sobre a intensidade do time, Luís Castro disse que há aspectos positivos a se destacar na atuação do Glorioso. O comandante voltou a exaltar o caráter, entrega e dignidade de seus atletas, que superaram as adversidades e ficaram com os três pontos.

Publicidade

- Nos últimos 10 jogos, o Botafogo tem uma derrota. Isso é um fato. Eu escuto muita coisa. Um time que jogaria tão mal, como você está dizendo, não teria esses resultados. Todos os times enfrentam instabilidade no começo da temporada. Hoje foi a primeira vez que jogamos no nosso estádio nos últimos dois meses. Há coisas positivas, e uma delas é a coragem. Tivemos coragem, determinação e pegada para melhorar. Hoje foi assim. Superamos um momento ruim no jogo e vencemos. Os dados do GPS dos nossos jogadores... todos estão com manchas em vermelho. Tivemos uma grande intensidade. Todos ultrapassaram o que é normal em um jogo. Tivemos um compromisso de começar bem o Brasileirão e conseguimos ganhar o jogo. Vocês podem ter qualquer opinião, achar que não jogamos bem, mas eu tenho olhos. Mas os meus jogadores tem caráter e dignidade. Correram muito hoje. Tivemos quatro oportunidades, o São Paulo finalizou mais é verdade. Mas estamos de parabéns - disse o treinador.

+ ATUAÇÕES: Tiquinho e Eduardo marcam e Lucas Perri fecha o gol em triunfo do Botafogo pelo Brasileirão

Publicidade

Por fim, o treinador respondeu sobre seu momento atual para mais uma temporada depois de balançar no cargo devido aos resultados do início da temporada. Com isso, relembrou seus feitos na carreira e enalteceu o prestígio de defender o Botafogo.

- Meu interior está em paz. Desde os 17 anos me dedico ao futebol, sempre com ambição e determinação. Felizmente as coisas têm sido de uma carreira em ascensão. A caminhada que fiz também estou orgulhoso dela. Tem que ser prova de competência quando sai da 4ª Divisão e disputa a Champions contra o City do Guardiola. Depois se chega a um clube de tanto prestígio como o Botafogo, é sinal que as coisas correram bem ao longo desses 26 anos de carreira. Outra coisa que me deixa em paz é nunca ter sido despedido em clube algum - finalizou.

O Botafogo volta a campo na próxima quinta-feira para medir forças com o Universidad César Vallejo, do Peru, às 21h (de Brasília), também no Nilton Santos, pela Copa Sul-Americana. No Brasileirão, os comandados de Luís Castro entrarão em campo na segunda-feira, dia 24, às 21h, para encarar o Bahia, na Arena Fonte Nova, pela 2ª rodada.

Últimas

Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com oAviso de Privacidade.